ESTÁ COM SINTOMAS DA COVID-19 OU PRECISA DE ORIENTAÇÕES?

Caso tenha algum sintoma e/ou teve contato - sem máscara, a menos de 1,5 m de distância, por mais de 15 minutos, com alguém que testou positivo, antes de procurar pelos serviços de saúde, entre em contato com a Unidade de Saúde mais próxima, através do WhatsApp.


Saiba tudo o que o município de Pinhais está fazendo para conter o Coronavírus

13 de maio de 2021 - Pinhais participará de estudo sobre a Covid-19

São 274 municípios brasileiros selecionados para participar da pesquisa, que será realizada pelo Ministério da Saúde


Pinhais está entre os 274 municípios selecionados para participar da Pesquisa de Prevalência de Infecção por Covid-19 no Brasil (Prevcov). O estudo, realizado pelo Ministério da Saúde, terá como objetivo identificar o perfil de infecção por coronavírus na população brasileira utilizando a mesma amostra populacional da Pnad Covid-19, desenvolvida pelo Instituto Brasileiros de Geografia e Estatística (IBGE).


De acordo com o órgão responsável, a Prevcov será uma das maiores pesquisas globais sobre a prevalência da Covid-19. O estudo soro epidemiológico nacional pode fornecer informações que apoiem a tomada de decisão baseada em evidências, além de mostrar a dinâmica de transmissão, sinalizando como a doença varia de acordo com o cenário e nos diferentes recortes geográficos.


Inicialmente será realizado contato telefônico com as residências selecionadas e será oferecido coleta de amostras biológicas para testagem sorológica. O início das visitas em domicílio estão previstas para o mês de junho.

Carousel imageCarousel imageCarousel image

12 de maio de 2021 - Vacinação Covid-19 nessa quinta-feira (13)

Com as recentes doses recebidas, a campanha de vacinação contra Covid-19 continua em sistema drive-thru nesta quinta-feira (13). Serão retomadas as vacinas nos grupos de comorbidades e profissionais da educação de 59 a 55 anos, mediante agendamento. Além disso, idosos acima de 60 anos que ainda não receberam nenhuma dose da vacina, podem comparecer ao Expotrade com documento e comprovante de endereço, sem a necessidade de agendamento.

12 de maio de 2021 - Ministério da Saúde recomenda a suspensão da vacinação de puérperas

De acordo com orientações do órgão, a vacinação com a AstraZeneca/Fiocruz deve ser interrompida temporariamente para este grupo


Após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), orientar que a bula da vacina AstraZeneca/Fiocruz seja seguida pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), o Ministério da Saúde recomendou aos municípios a suspensão da vacinação de gestantes e puérperas (mulheres que tiveram filhos nos últimos 45 dias).


O uso de vacinas em situações não previstas na bula só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios da vacina para a paciente. No caso da bula da AstraZeneca/Fiocruz, não é recomendado o uso da vacina sem orientação médica.

11 de maio de 2021 - Pinhais acata recomendação da Anvisa e suspende preventivamente vacinação da Covid-19 em gestantes

A orientação do órgão é que a indicação da bula da vacina AstraZeneca seja seguido pelo Programa Nacional de Imunização


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), recomendou na noite desta segunda-feira (10), a suspensão imediata da vacina Covid da AstraZeneca/Fiocruz em mulheres gestantes. Por conta dessa recomendação, o município de Pinhais acatou a decisão e suspendeu preventivamente a aplicação das doses em gestantes.


De acordo com a Anvisa, a orientação é que a indicação da bula da vacina AstraZeneca seja seguida pelo Programa Nacional de Imunização (PNI). O uso de vacinas em situações não previstas na bula só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios da vacina para a paciente. No caso da bula da AstraZeneca, não é recomendado o uso da vacina sem orientação médica.


“Como em Pinhais só temos a vacina AstraZeneca sendo aplicada em gestantes, nós iremos suspender temporariamente a imunização deste grupo, até novas orientações do Ministério da Saúde”, explicou a secretária de Saúde Adriane Carvalho.

10 de maio de 2021 - Gestantes e puérperas começam a ser vacinadas contra a Covid-19 em Pinhais

Nesta segunda-feira (10), gestantes e puérperas começaram a ser vacinadas contra a Covid-19 nas Unidades de Saúde da Família (USF) em Pinhais. Também estão entre o grupo a receber a vacina nesta fase, pessoas obesas, pessoas com síndrome de down e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).


Importante ressaltar que este público está sendo agendado pelas equipes das unidades de saúde de referência, não é necessário fazer cadastro pelo site da Prefeitura. Os pacientes também poderão entrar em contato com a sua USF via Whatsapp para mais informações sobre a vacinação.


A gestante, Luana Gros dos Santos, moradora do bairro Weissópolis, sente-se mais segura ao receber a primeira dose do imunizante. “Para mim, a vacina é algo super importante, a única coisa que vai salvar vidas, que pode nos prevenir de agravantes do vírus. Isso nos dá esperança de desfrutar daquilo que vivíamos há um tempo atrás. Sinto- me muito grata com este momento”, afirma.


Para a moradora do bairro Jardim Karla, Viviane Cristine Mendes, vacinar-se é um ato de cuidado consigo e com o próximo. “Minha filha está com 3 semanas e 4 dias e ao tomar a primeira dose sinto que estamos mais protegidas, correndo menos riscos. Digo para as pessoas que têm dúvidas que tomem a vacina, pois é algo importante. Mas mesmo assim não deixem de se cuidar, porque você pode estar imunizado, mas tem outras pessoas que não estão, portanto devemos manter todos os cuidados”, ressalta.


Segundo a moradora do bairro Weissópolis e beneficiária do BPC, Sandra Lopes, a vacinação traz a sensação de alívio diante dos riscos da Covid-19. “Estou muito feliz em receber a primeira dose. Tenho muita admiração e gratidão pelo trabalho realizado pelos profissionais da saúde. Receber a vacina me deixa aliviada, é muito importante me vacinar já que tenho poliomielite e leucemia. A preocupação é muito grande”, salienta.


Serviço

Para mais informações sobre a vacinação, entre em contato via WhatsApp com a sua USF de referência:

USF Esplanada - telefone: 3912-5346

USF Vargem Grande - telefone: 3912-5379

USF Perneta - telefone: 3912-5357

USF Perdizes - telefone: 3912-5349

USF Tebas - telefone: 3912-5370

USF Jardim Karla - telefone: 3901-5777

USF Tarumã - telefone: 3912-5361

USF Vila Amélia - telefone: 3912-5365

USF Weissópolis - telefone: 3912-5372

USF Ana Neri- telefone: 3912-5397

USF Maria Antonieta - telefone: 3912-5354

8 de maio de 2021 - Pinhais comemora primeiro dia de vacinação dos trabalhadores da educação

Mais um momento histórico foi registrado na campanha de vacinação contra a Covid-19, desta vez, com o início da imunização dos trabalhadores da educação de Pinhais. Na primeira fase, estão sendo vacinados os profissionais - das redes municipal, estadual e particular - que estão na faixa etária de 59 a 55 anos, mediante agendamento, também no Expotrade.


Cabe ressaltar que a Secretaria Municipal de Saúde avança para demais idades, conforme a disponibilidade de doses recebidas. “Nós recebemos com imensa alegria e satisfação, além da vontade de ver os nossos alunos. É um filme que passa na nossa cabeça, nesse momento que traz a possibilidade de um retorno seguro das aulas. Então, para nós da educação, é um dia histórico, que ficará guardado na nossa memória e no coração”, declarou a secretária de Educação de Pinhais, Andrea Franceschini.


Representando os profissionais, a pedagoga Claudia Monteiro da Rocha falou sobre a emoção de ser vacinada. “É um momento muito feliz aguardado por nós trabalhadores aqui da educação, e inesperado, pegou todos nós de surpresa e o sentimento que a gente tem nesse momento é de gratidão. Estou muito feliz mesmo por ter sido vacinada e tenho gratidão ao município de Pinhais”, declarou a profissional.


A prefeita Marli Paulino falou sobre a expectativa que este ato traz para o município. “É com muita alegria que iniciamos a vacinação dos trabalhadores da educação, e esperamos que venham muito mais doses para que possamos imunizar todos os profissionais de Pinhais. O início da imunização destes profissionais também nos dá esperança para retornar às aulas com mais segurança", afirmou.


A vice-prefeita de Pinhais, Rosa Maria, também acompanhou este momento. “Como professora quero expressar a minha alegria, um momento que representa esperança e fé em dias melhores, com início da vacinação dos trabalhadores da educação. Agradecemos por toda a organização e pactuação do Estado e Município, além de parabenizar todas as pessoas envolvidas”, destacou Rosa Maria.


A inclusão dos trabalhadores da educação foi confirmada esta semana pelo governador Carlos Massa Ratinho Júnior, em uma decisão pactuada com os municípios. As doses fazem parte da última remessa de vacinas da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz e estão sendo distribuídas para as 22 Regionais de Saúde do Paraná.


Estiveram presentes ainda, a secretária de Saúde de Pinhais, Adriane Carvalho; e Fernando Fisco representando a chefe do Núcleo Regional de Educação da Área Metropolitana Norte.

7 de maio de 2021 - Comércio está autorizado a funcionar neste domingo de Dia das Mães

Neste domingo de Dia das Mães, excepcionalmente os comércios poderão abrir em Pinhais. De acordo com o decreto 337/2021, todos os serviços e atividades poderão funcionar em qualquer modalidade de atendimento.

A autorização de funcionamento é apenas para o dia 8 de maio. Nos demais fins de semana voltam a valer as regras de restrição já estabelecidas.

Importante ressaltar que a pandemia não acabou, por isso, é preciso que os cuidados sejam mantidos, como uso de máscaras, higienização das mãos e distanciamento social.

6 de maio de 2021 - Trabalhadores da educação começam a ser vacinados em Pinhais

A partir de amanhã, dia 7, os profissionais desta área, entre 59 e 55 anos, serão vacinados, mediante agendamento


A Prefeitura de Pinhais inicia nesta sexta-feira (7) a vacinação dos trabalhadores da educação do município. Os primeiros a serem imunizados serão os profissionais que estão na faixa etária de 59 a 55 anos, mediante agendamento, também na estrutura montada no Expotrade. A vacinação ocorrerá conforme a disponibilidade de doses recebidas.


A inclusão dos trabalhadores da educação foi confirmada esta semana pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, em uma decisão pactuada com os municípios. As doses fazem parte da última remessa de vacinas da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz e estão sendo distribuídas para as 22 Regionais de Saúde do Paraná.

6 de maio de 2021 - Inicia nesta sexta-feira a vacinação do grupo de comorbidade em Pinhais

Podem se cadastrar aqueles que se enquadrarem nos critérios, estabelecidos pelo Ministério da Saúde, e estiverem na faixa etária de 59 a 55 anos

Com a finalização da vacinação da primeira etapa - a imunização dos idosos, referente à primeira dose, a Prefeitura de Pinhais inicia, nesta sexta-feira (7), a aplicação da vacina no grupo de pessoas com comorbidades, no Expotrade. Inicialmente serão imunizados aqueles que se enquadrarem nos critérios, estabelecidos pelo Ministério da Saúde, e estiverem na faixa etária de 59 a 55 anos.

Até o momento já foram aplicadas mais de 25 mil doses - 1ª e 2ª dose -, em moradores do município que fazem parte dos grupos prioritários. “A organização e agilidade do nosso sistema de vacinação foram reconhecidas pela população e pelo Governo do Estado, e isso tanto na aplicação em domicílio, como no drive. O que também nos dá tranquilidade para seguir com este sistema”, destaca a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho.

“Avançando agora para este outro grupo, lembrando que dependemos do quantitativo de doses para que isso ocorra. Importante dizer que a vacina é para pessoas acima de 18 até 59 anos, com comorbidades, mas a realização será por fase de idade decrescente como fizemos com os idosos”, explica a secretária de Saúde de Pinhais.

Comorbidades e como comprovar

- Doenças respiratórias - Receita médica (com validade de no máximo 24 meses), contendo a prescrição de pelo menos um corticoide (via oral ou inalatória);

- Doença renal crônica - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento do tratamento conservador ou Diálise Peritoneal. Pessoas que fazem HEMODIÁLISE - serão vacinadas na Clínica que fazem tratamento;

- Doença hepática crônica - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento;

- Doença neurológica crônica - Qualquer documento que comprove a doença;

- Diabetes - Receita médica (com validade de no máximo 24 meses) com a prescrição de pelo menos um hipoglicêmico;

- Transplantados - Qualquer documento que comprove o transplante;

- Imunossupressão - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento;

- Doença falciforme ou talassemias - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento;

- Doença cardíaca crônica (hipertensão grave) - Receita médica (com validade de no máximo 24 meses) , contendo a prescrição de pelo menos três anti-hipertensivos;

- Demais doenças cardíacas - Laudo do médico especialista onde faz o acompanhamento.

Gestantes; puérperas; obesos (com IMC acima de 40); pessoas com síndrome de down e pessoas com deficiência que recebem o BPC, estes serão agendados pelas unidades de saúde de referência, ou poderão ainda entrar em contato com a USF via Whatsapp, não é necessário fazer cadastro pelo site.

Serviço

O cadastro para o grupo de comorbidades, bem como os detalhes sobre quem se enquadra nesta etapa está disponível no site da Prefeitura (www.pinhais.pr.gov.br/vacina).

6 de maio de 2021 - Cadastro para vacinação do grupo Comorbidades de 59 a 55 anos

Para quem faz parte do grupo de comorbidades e tem entre 59 e 55 anos.

www.pinhais.pr.gov.br/vacina

5 de maio de 2021 - Para quem tem 60 anos ou mais e ainda não recebeu a vacina

Se você tem 60 anos ou mais, e ainda não recebeu a 1ª doe da vacina contra a Covid-19, vá até o Expotrade para ser imunizado.


Dias 6 e 7 de Maio, das 9h às 15h.

* É necessário apresentar documento pessoal de identidade e comprovante de residência.

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

5 de maio de 2021 - Confira quais são as comorbidades listadas pelo Plano Nacional de Imunização, a serem vacinadas nesta fase

O cadastro para este grupo está disponível no site da Prefeitura www.pinhais.pr.gov.br/vacina

4 de maio de 2021 - Pinhais conclui vacinação dos idosos nesta semana

Já está disponível o cadastro para o próximo grupo a ser imunizado que é o de pessoas com comorbidades, inicialmente para idades entre 59 e 55 anos

Até a próxima sexta-feira (7), a Secretaria de Saúde de Pinhais finaliza a vacinação de pessoas com 60 anos ou mais, o que representa a imunização do primeiro grupo prioritário previsto no plano de imunização.

A semana iniciou com a vacinação de idosos de 62 e 61 anos, e avança para os de 60 anos. “As equipes de saúde seguem agendando as vacinações para estas idades, que recebem o imunizante no Expotrade”, completa a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho.

Até o momento, somente no sistema drive-thru foram aplicadas mais de 13 mil doses. Lembrando que ainda estão sendo aplicadas as segundas doses de acordo com o intervalo recomendado entre a primeira aplicação. “A organização e agilidade do nosso sistema de vacinação foram reconhecidas pela população e pelo Governo do Estado, e isso tanto na aplicação em domicílio, como no drive.

Próximo grupo

O cadastro para o grupo de comorbidades, bem como os detalhes sobre quem se enquadra nesta etapa está disponível no site da Prefeitura (www.pinhais.pr.gov.br/vacina). “Avançando agora para este outro grupo, lembrando que o quantitativo de doses ainda não permite avançar muito, para as condições de comorbidades. Lembrando também que é acima de 18 até 59 anos, com comorbidades, mas a realização da vacina será por fase de idade decrescente como fizemos com os idosos”, explica a secretária de Saúde de Pinhais.

3 de maio de 2021 - Vacinação de idosos de 62 e 61 anos*

A campanha de vacinação contra Covid-19 continua nesta terça-feira (4), com as recentes doses recebidas. Tem início a imunização de idosos de 62 e 61 anos, e segue a aplicação para aqueles de mais idade ainda não vacinados. As equipes de saúde também seguem aplicando a segunda dose, conforme o cronograma de acordo com o intervalo indicado. As vacinas são agendadas, logo, é necessário aguardar o contato das equipes de saúde.

28 de abril de 2021 - Aplicação da 2ª dose da vacina contra a Covid-19 somente para moradores de Pinhais

A Secretaria Municipal de Saúde de Pinhais ressalta que somente os moradores que receberam a primeira dose da vacina no município, podem receber a segunda dose em Pinhais. Cada cidade tem sua programação de imunização, logo, à Prefeitura de Pinhais cabe seguir com a aplicação para a população residente e que faça parte do grupo prioritário. Ainda, recebemos as segundas doses conforme a disponibilidade.

26 de abril de 2021 - Vacinação de idosos de 63 anos e mais*

A campanha de vacinação contra Covid-19 continua nesta segunda-feira (26), com as mais de 2 mil doses recebidas na última sexta-feira. Tem início a imunização de idosos de 63 anos, e segue a aplicação para aqueles de mais idade ainda não vacinados. Importante lembrar que esse novo lote ainda não garante 100% da cobertura desta idade. As equipes de saúde também seguem aplicando a segunda dose, conforme o cronograma de acordo com o intervalo indicado. As vacinas são agendadas, logo, é necessário aguardar o contato das equipes de saúde.

23 de abril de 2021 - Guardas Municipais de Pinhais recebem primeira dose da vacina contra a Covid-19

A vacinação ocorreu no Pavilhão de Eventos do Parque Barigui em Curitiba. Até o momento, 15 profissionais já receberam o imunizante


Os Guardas Municipais de Pinhais começaram a ser vacinados contra a Covid-19. A vacinação ocorreu no Pavilhão de Eventos do Parque Barigui em Curitiba. Até o momento, 15 profissionais já receberam o imunizante.


Segundo o superintendente da Guarda Municipal de Pinhais, Dorival Selbach Júnior, o critério de escolha foi obedecendo a maior para a menor idade. “Conforme informações repassadas, na próxima semana mais guardas também receberão a primeira dose da vacina”, completa.


De acordo com o Governo do Estado, a previsão é que até o final de maio todos os profissionais da Segurança e das Forças Armadas que atuam no Paraná sejam vacinados. A distribuição das doses segue os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde que envia periodicamente novos lotes.

23 de abril de 2021 - Têm início as aplicações da segunda dose da CoronaVac no sistema drive-thru em Pinhais

Até esta sexta-feira (23), a previsão é aplicar mais de quatro mil vacinas nos idosos que receberam a primeira dose no mês de março


A Secretaria de Saúde de Pinhais iniciou, na última terça-feira (20), a aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid-19 (CoronaVac/Butantan) para os idosos que receberam o imunizante já no sistema drive-thru. A previsão é de que as equipes de saúde apliquem mais de quatro mil vacinas, referentes à segunda dose, somente nesta semana.


A vacinação em drive-thru, realizada no Expotrade, teve início no mês de março, com a imunização de idosos com 74 anos e, neste momento, chegou à faixa etária de 64 anos. É importante ressaltar que a aplicação da segunda dose só ocorre quando há o intervalo recomendado do primeiro recebimento, que para a CoronaVac é de 21 a 28 dias. Já a segunda dose da AstraZeneca/Oxford deve ser aplicada 90 dias após a primeira.


Pinhais tem sido mencionada como referência na agilidade da execução do Plano de Vacinação. “Nós estamos com um alto índice de aplicação das vacinas, ou seja, assim que recebemos, fazemos toda a organização necessária para imunizar os grupos prioritários”, ressalta a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, que acrescenta ainda que as pessoas já saem com o agendamento para a segunda dose, sendo necessário ficar atento às datas para receberem a vacina completa.


Serviço


Na data indicada para o recebimento da segunda dose, é necessário apresentar a carteira de vacinação, documento pessoal com foto e ir, preferencialmente, no mesmo horário em que recebeu a primeira dose.

20 de abril de 2021 - 2ª dose vacina Coronavac/Butantan

Informação para quem recebeu a 1ª dose da vacina contra a Covid-19 (Coronavac/Butantan) no dia 30 de março.

19 de abril de 2021 - Retomada da vacinação de idosos de 64 anos e mais*


A vacinação contra Covid-19 chegou a faixa etária de 64 anos e a imunização continua nesta segunda-feira (19), com as doses recebidas na última sexta-feira. Importante lembrar que esse novo lote ainda não garante 100% da cobertura desta idade. As equipes de saúde também seguem aplicando a segunda dose, conforme o cronograma de acordo com o intervalo indicado. As vacinas são agendadas, logo, é necessário aguardar o contato das equipes de saúde.

16 de abril de 2021 - Pinhais participa do lançamento da Campanha Corujão da Vacinação


Doze municípios paranaenses participaram do lançamento da campanha do Governo do Estado, Corujão da Vacinação, que estende o horário de aplicação das vacinas contra a Covid-19 até a meia noite. A iniciativa teve início nesta quinta-feira (15) e Pinhais foi uma das cidades escolhidas para o lançamento.


Na ocasião, esteve presente no município, representando o Governo Estadual, o diretor do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), Mário Marques Guimarães Neto, o Marinho. Ele, juntamente com outros integrantes do governo, esteve na Unidade de Saúde da Família Perdizes, localizada no bairro Atuba. O grupo foi recepcionado pela secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, e pelo secretário de Governo, Ricardo Augusto Pinheiro, e acompanharam algumas visitas da equipe de profissionais da unidade que aplicaram a vacina nas casas de alguns moradores.


Marinho destacou que visitou o Expotrade e acompanhou o bom trabalho realizado e a organização do sistema drive-thru, além de elogiar a iniciativa da cidade que já faz a aplicação da vacinação em horário estendido. “Hoje iniciamos em parceria com alguns municípios o Corujão da Vacinação. Essa é uma campanha do Governo do Paraná para fortalecer a vacinação que já vem acontecendo, a campanha Vacina Paraná de Domingo a Domingo, com o objetivo que possamos atender as pessoas idosas a partir das 18 horas, para aquelas que durante o dia não podem se dirigir até a unidade de saúde. Ficamos felizes, pois Pinhais já vem fazendo este trabalho há algum tempo, vacinando as pessoas em casa”, parabenizou.


A secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, enfatizou a parceria com o Governo do Estado e parabenizou pela iniciativa que é uma estratégia criada para reforçar a aplicação da vacina. “Participar deste lançamento é motivo de muita alegria para nós. Sempre que chegam novas doses, buscamos trabalhar com esses horários estratégicos. Esse é um procedimento que Pinhais adota desde o início da vacinação. Àquelas pessoas com mais de 75 anos que moram no município, por exemplo, receberam a vacina em suas casas, em horário estendido, e desta forma agilizamos a aplicação. Então, a nossa estratégia, é ao chegar novas doses, aplicar as vacinas aos munícipes o mais rápido possível” afirmou Adriane.


Vacinômetro

Segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde, até o final da tarde de quinta-feira (15), cerca de 13% da população do Paraná recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19, o equivalente a 1.350.397 pessoas. Outra informação, é que o estado aguarda o recebimento de mais de 368 mil doses que serão destinadas pelo Governo Federal.

Pelo site Vacinômetro (http://bi.pr.gov.br/COVID/) é possível acompanhar o relatório das doses distribuídas e aplicadas em todo o estado do Paraná.


Já para acompanhar as informações da vacinação do município, acesse o site da Prefeitura (www.pinhais.pr.gov.br) ou o site coronavirus.pinhais.pr.gov.br.

14 de abril de 2021 - Vacinação do grupo de 65 anos e mais

A vacinação contra Covid-19 chegou a faixa etária de 65 anos e a imunização retorna no próximo dia 16, sexta-feira, com o recebimento de novas doses. Importante lembrar que esse novo lote, ainda não garante 100% da cobertura desta idade. As vacinas são agendadas, logo, é necessário aguardar o contato das equipes de saúde.

09 de abril de 2021 - Pinhais lança Campanha Vacina Solidária para arrecadação de donativos

Podem ser doados alimentos não perecíveis, máscaras e produtos de higiene e limpeza, no dia da vacinação, ou ainda por iniciativa própria nos pontos de coleta


A Prefeitura de Pinhais lança nesta sexta-feira (9), a campanha Vacina Solidária. Neste momento de pandemia, em que muitas famílias enfrentam dificuldades, a Secretaria de Assistência Social (Semas), convida a população a ajudar aqueles que mais precisam. No dia agendado para a vacinação, você pode doar alimentos não perecíveis, máscaras e produtos de higiene e limpeza.

Os donativos podem ser entregues durante a vacinação drive-thru, que acontece no Expotrade. Mas, quem já se vacinou também pode colaborar e fazer a entrega das doações no local de vacinação ou na sede da Semas. Vale ressaltar que a vacinação acontece por agendamento.

Todas as doações serão destinadas à famílias em risco e vulnerabilidade social, identificadas pela Secretaria de Assistência Social. Importante ressaltar que a vacinação é gratuita e a doação não é obrigatória.

Serviço

A Secretaria de Assistência Social fica localizada na Rodovia João Leopoldo Jacomel, 12050. Mais informações pelo telefone 3912-5216.

09 de abril de 2021 - Vacinação do grupo de 66 anos e mais*

Pinhais recebeu mais 975 doses de vacinas contra a Covid-19. Com este novo lote, será retomada hoje a vacinação do grupo de 66 anos e mais, em ordem decrescente e por agendamento. Importante ressaltar que continua a vacinação para os idosos acima de 70 anos, que por ventura ainda não tenham sido vacinados. Vale lembrar também que as doses são aplicadas conforme a disponibilidade de imunizantes, e que o quantitativo recebido ainda não garante a imunização de 100% dos idosos das idades mencionadas. Também salientamos que a vacinação está sendo realizada no Expotrade, em sistema drive-thru, com agendamento prévio. NÃO VÁ ATÉ O LOCAL SEM ANTES RECEBER O CONTATO DAS EQUIPES DE SAÚDE.

06 de abril de 2021 - Novo decreto regulamenta funcionamento de serviços não essenciais em Pinhais

As novas medidas entraram em vigor já no ato da publicação e permitem o funcionamento de parte das atividades


A Prefeitura de Pinhais publicou decreto regulamentando o funcionamento dos serviços não essenciais. As novas medidas entraram em vigor já no ato da publicação e permitem o funcionamento de parte das atividades, com restrições de horário e respeitando as medidas sanitárias de combate ao Coronavírus.


Continua suspenso, em consonância com o Governo do Estado e Curitiba, o funcionamento de serviços e atividades destinadas ao entretenimento como casas de shows e atividades correlatas; estabelecimentos destinados a mostras comerciais, feiras de varejo, eventos técnicos, congressos, convenções; locais destinados à eventos sociais e atividades correlatas, tais como casas de festas, de eventos ou recepções, incluindo aquelas com serviços de buffet, bem como parques infantis e temáticos; casas noturnas; reuniões com aglomeração de pessoas, incluindo eventos, comemorações, assembleias, confraternizações, encontros familiares ou corporativos, em espaços de uso público, localizados em bens públicos ou privados.


Fica restrita a circulação de pessoas, no período de 23h às 5h, em espaços e vias públicas, salvo em razão de atividades ou serviços essenciais e casos de urgência e está proibido o consumo de bebidas alcoólicas em vias públicas.


Confira todos os detalhes no decreto, acessando o link: https://pinhais.atende.net/?pg=diariooficial&texto=37538&edicao=1265

05 de abril de 2021 - Aplicação da 2ª dose da vacina está em andamento

Neste momento, a Secretaria de Saúde está aplicando as segundas doses das vacinas, respeitando o intervalo da 1ª dose. Ressaltamos que a vacinação continua a ser realizada conforme agendamento das equipes de Saúde. Em relação à aplicação da 1ª dose, aguardamos o envio de novas doses para prosseguir com a imunização no Expotrade, em sistema drive-thru.

04 de abril de 2021 - Novo decreto do Governo do Estado flexibiliza atividades não essenciais em Pinhais

No entanto, algumas medidas continuam restritas como a proibição da circulação de pessoas entre 20h e 5h, e a venda de bebidas alcóolicas

O Governo do Estado revogou o decreto que previa regras de circulação mais rígidas em Pinhais e outros 10 municípios da Região Metropolitana de Curitiba. Dessa maneira, está autorizado o retorno das atividades não essenciais nas cidades do chamado Primeiro Anel, aquelas mais próximas à Capital, já nesta segunda-feira (5).

Apesar de contar com algumas restrições, atividades comerciais na rua, galerias, centro comerciais e serviços não essenciais dos municípios com mais de 50 mil habitantes, como é o caso de Pinhais, poderão funcionar das 10 horas às 17 horas, de segunda a sexta-feira, com limitação de 50% de ocupação. Já aos sábado o atendimento deve ser exclusivamente nas modalidades delivery e drive-thru, das 10 horas às 17 horas.

Continua proibida a circulação de pessoas entre as 20h e 5h. Além disso, não está permitida a venda e consumo de bebidas alcóolicas em espaços de uso público e coletivo no mesmo horário, em todos os dias da semana.

O decreto mantém suspensas atividades que causem aglomerações, como casas de shows, circos, teatros, cinemas e museus; os destinados a eventos sociais e atividades correlatas em espaços fechados, como casas de festas, de eventos, incluídas aquelas com serviços de buffet; os estabelecimentos destinados à mostras comerciais, feiras, eventos técnicos, congressos e convenções; bares, casas noturnas e correlatos; além de reuniões com aglomeração de pessoas, encontros familiares e corporativos.

As atividades religiosas devem seguir a regulamentação da Secretaria da Saúde publicada em 26 de fevereiro, especificada na Resolução 221/221.

As aulas presenciais da rede estadual continuam suspensas. Já as escolas particulares estão autorizadas a funcionar no modelo híbrido.

Confira o decreto completo no link: http://www.aen.pr.gov.br/arquivos/3103decreto7230.pdf


31 de março de 2021 - Casos de fura-filas da vacina estão sob investigação em Pinhais

A Prefeitura de Pinhais colabora com a identificação das pessoas que tenham sido vacinadas fora dos grupos prioritários e todas as informações são repassadas aos órgãos competentes


Secretaria Municipal de Saúde de Pinhais continua acompanhando os casos de denúncias de fura-filas da vacinação contra a Covid-19. Recentemente, a Prefeitura de Pinhais foi notificada de mais cinco casos suspeitos, com solicitação de informações do Ministério Público do Estado do Paraná, conforme demandas registradas na Controladoria-Geral do Estado (CGE).


A Prefeitura de Pinhais salienta que colabora com a identificação das pessoas que tenham sido vacinadas fora dos grupos prioritários e que todas as informações são repassadas aos órgãos competentes para as possíveis sanções dos responsáveis.


Reafirma ainda que, no pré-cadastro para a vacinação disponibilizado pela Secretaria de Saúde, o próprio profissional se coloca na posição de atuante e apresenta registros para tal. “Com isso, contamos também que a pessoa não agiu de má fé, como no caso dos trabalhadores da saúde os quais devem atuar em estabelecimentos de saúde, conforme diretrizes dos planos de vacinação.


Visando aperfeiçoar e garantir que os profissionais que serão convocados para a vacinação realmente se enquadrem no grupo prioritário, estamos solicitando aos estabelecimentos e clínicas do município o preenchimento de um termo de responsabilidade, seguindo orientação do Ministério Público do Paraná.

Serviço


Você pode denunciar irregularidades na ordem de vacinação do seu município pelo telefone 0800 041 1113; pelo site www.cge.pr.gov.br, na aba OUVIDORIA; pelo e-mail ouvidoria@cge.pr.gov.br; pelo Whatsapp (41) 3883-4014; ou ainda pela Ouvidoria da Saúde de Pinhais (41) 3912-5313. A denúncia pode ser feita de forma anônima.


30 de março de 2021 - ATENÇÃO! Fake News

Circula em grupos de WhatsApp uma Fake News dizendo que idosos podem ir direto ao Expotrade para vacinação, sem a necessidade de agendamento. A Secretaria de Saúde informa que esta informação é FALSA. Pedimos que não vá ao ponto de vacinação, sem agendamento, pois, isso gera aglomerações e confusão. As equipes de saúde têm se dedicado diariamente a agendar e atender, conforme as doses de vacinas que são recebidas pelo município. Contamos com a colaboração de todos neste momento.


Fique atento às orientações e busque fontes de informações confiáveis, como sites e redes oficiais, e mais do que nunca é importante estar alerta para evitar a disseminação de notícias falsas.

29 de março de 2021 - Vacinação do grupo de 69 a 65 anos*

Pinhais recebeu mais 2.080 doses de vacinas contra a Covid-19. Com este novo lote, avançamos para a faixa etária de 69 a 65 anos. Importante ressaltar ainda que continuamos com a vacinação para os idosos acima de 70 anos, que ainda não tenham sido vacinados. Vale lembrar também que as doses são aplicadas por ordem decrescente de idade, conforme a disponibilidade de imunizantes, e que o quantitativo recebido ainda não garante a imunização de 100% dos idosos das idades mencionadas. Também salientamos que a vacinação está sendo realizada no Expotrade, em sistema drive-thru, com agendamento prévio. NÃO VÁ ATÉ O LOCAL SEM ANTES RECEBER O CONTATO DAS EQUIPES DE SAÚDE.

29 de março de 2021 - Parques e Bosques reabertos

O Governo do Estado atualizou e prorrogou o decreto de medidas restritivas para o combate à Covid-19. Entre as regras está a reabertura de parques e bosques, exclusivamente para a prática de atividades individuais ao ar livre, com uso de máscaras e que não envolvam contato físico entre as pessoas. Portanto, a partir desta segunda-feira, 29, estes locais funcionarão das 6h às 21h, todos os dias da semana.

29 de março de 2021 - Em Pinhais domingo também é dia de vacinação

Sistema drive-thru montado no Expotrade é elogiado pelo Governo do Estado

Neste domingo (28), mais de 500 pessoas com mais de 70 anos foram imunizadas contra a Covid-19 no drive-thru instalado no Expotrade. Desde que iniciou este sistema, na última quinta-feira (25), cerca de 1.580 pessoas foram vacinadas. Atualmente, mais de 7,1 mil pessoas receberam o imunizante em Pinhais. Para acompanhar o modelo adotado pela Prefeitura Municipal para agilizar a vacinação, o chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Guto Silva, visitou neste domingo as instalações e destacou o trabalho realizado.

“Temos aqui no Expotrade Convention Center uma das maiores estruturas montadas no Estado. O governo está dando o suporte e a prefeita realiza um grande trabalho de liderança e de mobilização. Com a previsão de chegar ao Estado 300 mil vacinas semanalmente, vamos aumentar muito a imunização da população e sair rapidamente desse momento tão crítico e difícil”, disse Guto.

As demais autoridades presentes destacaram a emoção de ver a população de Pinhais sendo vacinada. “É muita alegria! As pessoas estão emocionadas e a gente se emociona junto. Esta imunização é o primeiro sinal de esperança que temos após um ano sofrendo com a pandemia. Para nós da administração pública, este momento é muito importante e gratificante porque estamos conseguindo levar esperança para as pessoas”, destacou a prefeita de Pinhais, Marli Paulino.

A vice-prefeita, Rosa Maria, lembrou que o Expotrade realiza diversos eventos e hoje abriga o sistema drive-thru de vacinação contra a Covid-19. “Aqui já foi palco de grandes shows, e hoje é o show da vida, da saúde que presenciamos neste local. Com esse sistema, conseguimos vacinar as pessoas mais rapidamente, tudo isso é motivo de muita alegria e emoção. Viva o Sistema Único de Saúde (SUS), viva a ciência, a saúde e viva nossa equipe!”, destacou Rosa Maria.

Entre outras autoridades que acompanharam a vacinação neste domingo estavam o líder do Governo na Assembleia Legislativa, o deputado Hussein Bakri, e o deputado federal Luizão Goulart, este destacou que a vacina é a grande esperança para o povo retomar a normalidade. “Com ela esperamos que os comércios voltem o atendimento, que as escolas retornem às aulas e que a economia se recupere para gerar renda e, principalmente, empregos para a população”, afirmou Luizão.

Édina Fernanda da Costa é auxiliar de enfermagem que atua na imunização no Expotrade. Segundo ela, trabalha de domingo a domingo se for preciso, “o importante é que todos os cidadãos sejam imunizados. Já sofremos muito e aguardamos ansiosos por este momento, então, pra trabalhar aqui, não tem como ser cansativo, pois ver a alegria de quem recebe a vacina, e de seus familiares, é revigorante”, finaliza.

29 de março de 2021 - Preocupada em ajudar as pessoas na pandemia, moradora de Pinhais confeccionou mais de 1700 máscaras para doação

Há pouco mais de um ano a pandemia do novo coronavírus começou e, um novo período passou a existir, influenciando o dia a dia e a vida da população. Tivemos que nos adaptar a uma nova realidade, seguindo medidas de segurança para zelar e cuidar, não apenas da nossa saúde, mas daqueles que estão ao nosso lado.


O termo cuidar/cuidado nunca foi tão usado quanto atualmente. O seu significado está presente no cotidiano, seja para nos alertar sobre o perigo desta doença, reforçar a importância da prevenção, e principalmente, agirmos adotando as recomendações básicas de saúde: não se aglomerar, usar máscara de proteção e passar álcool em gel nas mãos.


Mas se durante a pandemia ter todo esse cuidado é seguir essas medidas, há também quem teve outro cuidado: o de ajudar o próximo. Esse é o exemplo de Valdirene Silva de Lima, que desde o início da pandemia já confeccionou mais de 1700 máscaras de tecido que foram doadas para o Centro de Referência da Assistência Social (Cras), catadores de materiais recicláveis, para amigos que fazem doações de cestas básicas aos necessitados e para a igreja.


Valdirene tem 46 anos e mora no bairro Weissópolis, com sua filha de 14 anos. Ela tem uma doença rara crônica, a Distonia Generalizada, que afeta o sistema nervoso central comprometendo os movimentos e causando espasmos musculares involuntários, com isso, ela se desloca aos locais apenas com um triciclo.


Como sabia costurar, ela começou a fazer máscaras com retalhos, que foram doados e depois começou a pedir TNT e tecidos para amigos. Essa iniciativa nasceu da preocupação que teve com aqueles que não podiam comprar máscaras. “Quando surgiu a pandemia, tudo estava fechando e algumas pessoas ficando sem trabalho e muitas até passando fome. Então pensei: se as pessoas não têm dinheiro pra comer, como vão comprar máscaras? Logo, como sei costurar, comecei a fazer máscaras com retalhos, minha prima é costureira e me deu os que sobravam”, conta.


Apesar da limitação física, Valdirene diz que o prazer de ser útil num momento de tanta dor foi maior que as dores que sente. Na maioria dos dias ficava duas a três horas confeccionando as máscaras em sua máquina de costura. Essa situação foi uma oportunidade de se superar, pois no início sua prima costureira a ajudava. Depois com o tempo, o trabalho foi se aprimorando e passou a fazer todo o procedimento da costura sozinha.


Valdirene explica que durante a pandemia tem agido com todo o cuidado, pois só sai de casa quando necessário, sempre usa máscara de proteção, lava bem as mãos e passa álcool em gel, reforçando que todos tenham o mesmo cuidado. “A vida é o maior bem que possuímos. Não tem dinheiro que pague. Peço às pessoas que se cuidem. Fiquem em casa, saiam apenas quando necessário. Porque um bem material você recupera, uma vida não. Usem máscaras, mantenham o distanciamento social. O isolamento social é difícil, ninguém vive sozinho, mas nós temos hoje o privilégio de poder ligar para alguém, levar uma palavra amiga, mandar uma mensagem, um vídeo com palavras de esperança. Procurem manter a serenidade e acreditem: tudo isso vai passar mais cedo ou mais tarde, vai passar! Agora, se você tiver a oportunidade de ser útil, de ajudar alguém... ajude. Vamos cuidar das pessoas”, disse.

29 de março de 2021 - Prefeitura de Pinhais recebe doações por meio de Chamamento Público

Por meio do Chamamento Público 017/2020 a Prefeitura de Pinhais recebe doações de materiais, equipamentos para trabalhadores da rede de saúde e de meio ambiente, além de alimentos, kits de limpeza e higiene pessoal. Lançado no ano passado, o documento está vigente e permite que a administração municipal repasse itens às pessoas em vulnerabilidade social cadastradas na Assistência Social e que tiveram suas atividades diretamente afetadas em decorrência da pandemia da Covid-19.

“No momento precisamos reforçar a divulgação do Chamamento Público que no seu lançamento teve um bom retorno de doações. Hoje, pela situação ter se agravado precisamos unir forças, poder público e sociedade, para atender um maior número de famílias”, afirma Gizeli Filius, do Departamento de Proteção Social Básica, da Secretaria Municipal de Assistência Social.

O chamamento, que está disponível no site da Prefeitura de Pinhais (pinhais.pr.gov.br) permanece vigente pelo tempo que perdurar a situação de emergência e interessados poderão habilitar-se a qualquer tempo. As doações somente serão recebidas mediante coleta, sendo que cada Secretaria ficará responsável por esta.

O documento dispõe ainda que, ao final da situação, as Secretarias contabilizarão e divulgarão a quantidade de materiais recebidos, bem como as pessoas beneficiadas. Esclarece ainda que não serão aceitos dinheiro ou outros produtos que não estejam na listados no documento.

Confira os itens solicitados pela Secretaria de Assistência Social:

Alimentos que podem compor uma cesta básica com itens não perecíveis, tais como: achocolatado; açúcar extrafino; arroz branco ou parboilizado; biscoito doce ou salgado; café; Canjica; ervilha em conserva; extrato de tomate;Farinha de mandioca; farinha de milho; Farinha de trigo; feijão preto ou carioca; fubá de milho; gelatina; leite em pó ou de líquido de caixinha; lentilha; macarrão com ou sem ovos ou instantâneo; milho em conserva; milho para pipoca; óleo de soja; sal refinado; sardinha em lata com óleo.

Itens que podem compor um kit limpeza tradicional, tais como: água sanitária; amaciante de roupas; desinfetante de uso geral; detergente; esponja para louça; lã de aço; limpador multiuso; sabão em barra; sabão em pó; sacos de lixo.

Itens que podem compor kit de higiene pessoal, tais como: absorvente higiênico; aparelho de barbear; creme dental; desodorante masculino e feminino; escova dental; fio dental; fralda descartável infantil e geriátrica; hastes flexíveis de algodão; papel higiênico; sabonete em barra; shampoo.

Serviço

Informações e agendamentos da coleta dos materiais poderão ser feitos de segunda a sexta-feira das 8h às 12h e das 13h às 17h, o contato pode ser feito pelo e-mail: assistenciasocial@pinhais.pr.gov. br.

Acesse o documento completo no link:

https://pinhais.atende.net/?pg=diariooficial&texto=34099&edicao=898&fbclid=IwAR3xGVDSjcwOGKK1XkQhCxaviOEn50IvnEnPO9gE39ohj_7bYzJ-Xwr-4tc

28 de março de 2021 - Decreto da região metropolitana de Curitiba é prorrogado até dia 5 de Abril

Governo do Estado prorroga decreto com medidas mais flexíveis. Município de Pinhais obrigatoriamente adere às novas regras estabelecidas. Dentre as medidas, parques e bosques voltam a abrir na segunda-feira (29).


#Repost @governoparana

• • • • • •

O novo texto permite atividades comerciais não essenciais em variados espaços nas modalidades de delivery e drive thru, de segunda a sábado, das 9 às 19h, e a reabertura de parques para atividades físicas individuais. Já as atividades não essenciais realizadas por meio da internet, correio e televendas podem funcionar nos mesmos parâmetros das atividades comerciais não essenciais, de segunda a sábado, das 9 às 19h.

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

27 de março de 2021 - Imunização de idosos de 74 a 70 anos

Na última quinta-feira (25), teve início a vacinação em drive-thru no Expotrade Pinhais. Com a ampliação, está sendo possível estender a imunização para idosos de 74 a 70 anos. Conforme novas doses forem enviadas pelo Governo Federal, outros grupos serão vacinados. Até o momento, 6.051 pessoas foram vacinadas em Pinhais, sendo que 1.972 já receberam a segunda dose.

26 de março de 2021 - Neste domingo Pinhais vai vacinar mais de 600 idosos cadastrados

No próximo domingo (28), a Secretaria de Saúde vai realizar uma mobilização com as equipes de saúde para vacinar mais de 600 idosos em Pinhais. A ação foi proposta pelo Governo do Estado, que selecionou o município pelo destaque na organização no processo de vacinação.

Importante ressaltar que a vacinação continua sendo por agendamento, portanto, só é possível ter acesso à imunização se estiver com o nome na lista de entrada. As equipes de saúde entrarão em contato, por telefone, com base no cadastro realizado no site da Prefeitura (www.pinhais.pr.gov.br).

25 de março de 2021 - Alerta de fake news

Circula nas redes sociais e grupos de WhatsApp um cronograma de vacinação divulgado pelo Ministério da Saúde. Fique atento, pois o calendário é falso. A cada novo lote de vacinação, a Prefeitura de Pinhais tem informado sobre os públicos a serem vacinados.

Nesta nova etapa, com a vacinação em sistema drive-thru, no Expotrade, as equipes de saúde estão agendando com os munícipes já cadastrados no site da Prefeitura de Pinhais. Portanto, vale ressaltar que sem estar agendado não é possível se vacinar, pois, na entrada do Expotrade há uma lista com os nomes cadastrados. O agendamento está sendo realizado para idosos de 74 anos, gradativamente, e conforme disponibilidade de vacina.

Também é importante lembrar que pessoas agendadas que não possuam carro, podem ir a pé, uma vez que foi reservada uma sala de atendimento para este público.

Fique atento às orientações e busque fontes de informações confiáveis, como sites e redes sociais oficiais, e mais do que nunca é importante estar alerta para evitar a disseminação de notícias falsas.

Acesse: coronavirus.pinhais.pr.gov.br

Tem mais de 60 anos? Cadastre-se para a vacina: www.pinhais.pr.gov.br/vacina

25 de março de 2021 - Prefeitura de Pinhais informa

Começa nesta quinta-feira (25), o drive-thru da vacinação contra a Covid-19. Mas ATENÇÃO, a Secretaria de Saúde solicita que NÃO vá ao drive-thru sem estar agendado.

As equipes de saúde estão ligando para os munícipes para agendar o dia da vacinação, conforme idade e disponibilidade de doses. Neste primeiro momento serão convocados idosos de 74 a 70 anos, gradativamente. Aguarde seu agendamento.

24 de março de 2021 - Orientações para o usuário de 74 a 70 anos para Vacinação no Drive-Thru

Começa nesta quinta-feira (25) em Pinhais, a vacinação contra a Covid-19, na modalidade drive-thru. Esta etapa será realizada no Expotrade Covention Center. Confira abaixo as orientações da Secretaria de Saúde.

23 de março de 2021 - Vacinação do grupo de 70 a 74 anos*

Pinhais recebeu mais 3.280 doses de vacinas contra a Covid-19. Com este novo lote, daremos continuidade à vacinação de idosos na faixa etária de 74 anos, gradativamente até chegar na faixa etária de 70 anos. Essa nova etapa será realizada na modalidade drive-thru, no Expotrade, a partir de quinta-feira (25). Importante ressaltar que a vacinação será agendada, pelas equipes de saúde, por meio de telefone e whatsapp, para quem já fez o cadastro no site da Prefeitura de Pinhais. Na entrada do Expotrade terão listas de presença, portanto, não será possível a vacinação sem agendamento.


Vale lembrar que continuamos com a vacinação para os idosos acima de 75 anos, conforme a disponibilidade de doses, também mediante agendamento. Lembrando que o quantitativo recebido ainda não garante a imunização de 100% dos idosos destas idades. NÃO PROCURE AS UNIDADES DE SAÚDE PARA VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19, aguarde o seu agendamento.

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

19 de março de 2021 - Seguindo o Decreto do Estado, confira o que abre e fecha até 28 de março.

Todas as informações podem ser consultadas no decreto n° 7145.

19 de março de 2021 - Novo canal de atendimento para informações e denúncias da Covid-19

A Prefeitura de Pinhais disponibiliza novos canais de atendimento para informações e denúncias da Covid-19, com atendimento das 8h às 12h e das 13h às 18h:


41 98782-8621

infocovid@pinhais.pr.gov.br


Nos demais horários, o telefone 153, da Guarda Municipal, continua a receber denúncias de descumprimento das medidas estabelecidas.

19 de março de 2021 - Governo do Estado decreta lockdown em Pinhais

Medida é obrigatória e vale para onze cidades da região metropolitana de Curitiba

Nesta sexta-feira (19), o Governo do Estado do Paraná publicou o decreto 7145/2021, que obriga 11 municípios da região metropolitana de Curitiba, inclusive Pinhais, a seguir as novas medidas a partir desta sexta-feira (19) até o dia 28 de março.

O novo documento estabelece medidas mais restritivas para os municípios que fazem divisa com a Capital e estão no chamado "primeiro anel", como forma de enfrentamento à situação emergencial da pandemia do Coronavírus.

O novo decreto suspende o funcionamento de atividades comerciais não essenciais e prestação de serviços não essenciais, cujos estabelecimentos estejam localizados em ruas, galerias, centros comerciais ou shopping centers, mas também em residências. Ainda veta o funcionamento de estabelecimentos destinados ao entretenimento, eventos culturais, mostras comerciais, feiras de varejo e eventos técnicos.

Também pelo decreto, não podem funcionar bares, tabacarias, casas noturnas e atividades correlatas; salões de beleza, barbearias, atividades de estética, imobiliárias, serviços de banho, tosa e estética de animais; feiras de artesanato e feiras livres; parques; espaços para a prática de atividades esportivas individuais e coletivas, localizados em praças e demais bens públicos ou privados, estendendo-se a vedação aos clubes sociais e desportivos, condomínios e áreas residenciais; reuniões com aglomeração de pessoas, incluindo eventos, comemorações, assembleias, confraternizações e encontros familiares ou corporativos.

Há restrições de horários e ocupações para algumas atividades essenciais. São considerados serviços e atividades essenciais aqueles indispensáveis ao atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade, e que devem ser atendidos, sob pena de colocar em perigo a sobrevivência, a saúde ou a segurança de pessoas e animais, bem como a segurança ou a integridade do patrimônio.

Leia o Decreto 7145/2021 na íntegra: clique aqui

18 de março de 2021 - Vacinação de idosos de 77, 76 e 75 anos

Pinhais recebeu mais 860 doses de vacinas contra a Covid-19. Com este novo lote, daremos continuidade à vacinação de idosos na faixa etária de 77 anos e avançamos para a faixa etária de 76 e 75 anos. Importante ressaltar que continuamos com a vacinação para os idosos acima de 77 anos, conforme a disponibilidade de doses. Lembrando que o quantitativo recebido ainda não garante a imunização de 100% dos idosos destas idades. Também é importante salientar que a vacinação ocorre no domicílio. NÃO PROCURE AS UNIDADES DE SAÚDE PARA VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19.

18 de março de 2021 - Troca de máscara de 2 a 4 horas

A máscara continua sendo uma das nossas principais aliadas para prevenir a Covid-19, mas é preciso usá-la corretamente para garantir a proteção.


Se for usar máscara de tecido o ideal é que ela possua camada dupla, e sempre deve ficar bem ajustada ao rosto.


A cada duas a quatro horas devemos substituí-la por outra limpa. E é muito importante que todos que estejam no mesmo local usem máscaras.


Também podem ser utilizadas as máscaras cirúrgicas e as chamadas máscaras profissionais (N95 e PFF2), como forma de reforçar a proteção

17 de março de 2021 - Pacientes positivos para Covid-19 podem ser detidos e pagar multa caso descumpram o isolamento

Em Pinhais, há casos registrados como de um motorista de aplicativo trabalhando pelas ruas mesmo tendo assinado o termo de isolamento


Uma das principais recomendações para conter a propagação da Covid-19 é o isolamento social. No caso de pessoas que testam positivo para a doença, ficar em casa passa a ser uma obrigatoriedade. Entretanto, em Pinhais estão sendo registradas situações de pacientes que, mesmo tendo assinado o termo e se responsabilizado a seguir essa regra, infringem a lei e saem de casa para ir ao comércio ou trabalhar.


Nesta semana, a Secretaria de Saúde, a Guarda Municipal e Polícia Militar abordaram um motorista de aplicativo que foi denunciado por estar descumprindo o isolamento e colocando em risco os seus clientes. “Além de ser, primeiramente, um ato criminoso, essas pessoas estão expondo outras ao risco de serem contaminadas. Tal atitude envolve responsabilidade e cidadania”, afirma a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho.


O superintendente da Guarda Municipal, Dorival Selbach Júnior, explica que após terem conhecimento do descumprimento da medida de isolamento, em conjunto com a Saúde, seguem com o protocolo cabível. “É realizado B.O. e, em alguns casos, alegam não ter conhecimento de que estariam positivo, estando sujeitos ao encaminhamento à delegacia, podendo responder por crime de infração de medida sanitária tipificado no artigo 268 CP: ‘infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa”, explica o responsável pela GM Pinhais.


O descumprimento das medidas pode configurar infração de medida sanitária preventiva, com pena de detenção de um mês a um ano, além de multa. Além disso, quem não cumprir com o isolamento será encaminhado à Promotoria do Ministério Público para possíveis providências cível, administrativa e criminal necessárias, além de iniciado o processo de responsabilidade civil e administrativa pelo próprio município.


Importante ressaltar também que mesmo com o teste positivo de somente um dos moradores da casa, toda a família precisa fazer isolamento social, pois são considerados suspeitos.


A Ouvidoria da Saúde recebe denúncias, quem constatar irregularidades neste sentido pode entrar em contato pelo telefone 3912-5313 que também atende whatsapp.

17 de março de 2021 - Uso da máscara continua sendo essencial na prevenção à Covid-19

Há um ano o mundo parou. Um cenário antes só visto em filmes se tornou a realidade de todos nós, diante da pandemia pela Covid-19. Adaptações se fizeram necessárias e agora estamos vivendo mais um período de alerta. Mais do que nunca, os cuidados devem ser reforçados e entre eles o uso da máscara segue sendo fundamental na prevenção à doença.


De acordo com Vagner Langoski, técnico em Segurança do Trabalho, da Secretaria de Saúde de Pinhais, é recomendado que a máscara de tecido possua camada dupla e fique bem ajustada ao rosto. “Além disso, a cada duas a quatro horas devemos substituí-la por outra limpa. E é muito importante que todos que estejam no mesmo local usem máscaras, pois elas funcionam como controle de fonte, ou seja, impedem que as pessoas contaminem o ambiente onde se encontram”, explica.


O técnico em Segurança do Trabalho destaca que é necessário ter atenção ao manusear o item. “Um detalhe muito relevante também é em relação ao cuidado ao colocar e retirar as máscaras. Muitas vezes as pessoas tocam na parte externa e em seguida na parte interna podendo contaminá-las. O ideal é tirar e colocar utilizando a parte onde se encontra o elástico”, salienta.


“Também podem ser utilizadas máscaras cirúrgicas, comumente vendidas em farmácias e supermercados e as chamadas máscaras profissionais N95 e PFF2. Essas são consideradas equipamentos de proteção individual (EPI) e são encontradas em lojas de materiais de construção e comércios de itens profissionais. Em alguns países, já há a indicação de que a população em geral também utilize as máscaras ditas profissionais como forma de reforçar a proteção”, afirma.


“Máscaras de acrílico não tem elementos filtrantes de partículas, como as tramas no caso dos tecidos, além disso, não se adaptam tão bem ao rosto podendo ter aberturas e isso não protege. As do tipo Face Shield são uma proteção adicional, portanto não devem ser utilizadas sozinhas, há necessidade de usar a de tecido ou a cirúrgica junto”, reforça.


Além do uso da máscara, outras medidas também são importantes. “Não adianta usar máscara e não manter o distanciamento. Não devemos nos esquecer de higienizar corretamente e frequentemente as mãos. São regras que se completam e não devemos relaxar com os cuidados já tão amplamente divulgados”, ressalta Vagner.

17 de março de 2021 - Grandes heróis da vida real: profissionais de saúde e a vacinação contra a Covid-19

Com quase 5 mil pessoas imunizadas em Pinhais, profissionais de saúde estão devolvendo a esperança à população


Está cientificamente comprovado que a vacinação salva vidas e nos livra de inúmeras doenças. O Brasil já foi mundialmente reconhecido pela eficiência em seu Programa Nacional de Imunizações (PNI), criado na década de 70 para combater a epidemia da meningite. De lá para cá muita coisa mudou e doenças como sarampo, considerada erradicada em 2016, voltaram. Agora, em uma pandemia, a vacina contra a Covid-19 surge como uma das principais armas para vencer o vírus, e pelas mãos dos profissionais de saúde está devolvendo a esperança à população.


Gratidão. Para a agente comunitária de saúde Sueli Wirth, que atua na USF do Weissópolis, essa é a palavra que define o sentimento em poder fazer parte deste momento. “É uma emoção muito grande chegar na casa de cada um deles e ver a emoção com que nos recebem, já pedindo a Deus que abençoe e proteja nosso trabalho, choram, erguem os braços agradecendo por estarem bem até aqui e poder receber a vacina. É muito gratificante fazer parte da equipe de Saúde de Pinhais”, declara.


Também ACS, Silvana Cândido de Oliveira, da USF Jardim Amélia, conta como é estar envolvida nesse processo. “Acompanhei várias vezes as técnicas e só posso dizer que a vacina traz esperança de dias melhores. Vejo muita emoção em cada rostinho dos nossos idosos, por estar recebendo uma oportunidade de ficar um pouco mais forte para passar por tudo isso”, conta.


A diretora do Departamento de Atenção Primária à Saúde, setor responsável pelas unidades de saúde, Viviane Maysa Tomazoni, conta que durante a vacinação, o profissional de saúde vive um misto de emoções. “Eles sentem alegria, satisfação, prazer - em proporcionar uma melhor qualidade de vida. Eu sempre ouço de vários profissionais que o dia da vacinação é tratado como um dia festivo, pela oportunidade de vacinar as pessoas, e, ainda, nas suas casas. Causa grande comoção, principalmente pelo sentimento de acolhimento e cuidado com o próximo", relata a diretora.


Porém, por não ser de adesão obrigatória, a imunização não alcança todos que têm direito a ela. “Algumas vezes também temos que lidar com a frustração e a impotência, pois, em alguns casos, idosos ou até mesmo familiares, se negam a receber a vacina”, relata Viviane.


Para a enfermeira e coordenadora da USF Vargem Grande, Bianca Battaglin Rizzatto, vacinar uma pessoa renova as energias para seguir em frente, especialmente porque os profissionais da saúde enfrentam a pandemia diretamente. “A equipe está cansada, sobrecarregada, mas todos queremos ir vacinar no domicílio o idoso, é uma sensação única de gratidão, que nos enche de energia para continuarmos a luta diária na linha de frente”, declara.


Cadastro para vacinação


Para os que têm 60 anos ou mais, a Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza um pré-cadastro no site da Prefeitura (www.pinhais.pr.gov.br). Um instrumento essencial para a programação vacinal.


Os cuidados devem continuar


Para que vençamos essa pandemia, precisamos que todos entrem nesta luta e unam forças com os profissionais da saúde. Além disso, continuar com os cuidados é também um reconhecimento ao trabalho destes valorosos trabalhadores. Então, não esqueça, use máscara, higienize as mãos constantemente, não se aglomere e fique em casa sempre que for possível.

16 de março de 2021 - Pinhais envia à Câmara de Vereadores projeto de lei para fazer parte do consórcio que pretende comprar vacinas

Documento segue para aprovação dos vereadores que colocaram em pauta em duas sessões, sendo a primeira nesta terça-feira (16)


Nesta terça-feira (16), a Prefeitura de Pinhais encaminha para a Câmara de Vereadores, projeto de Lei que confirma o protocolo de intenções firmado pelos municípios com a finalidade de adquirir vacinas para combate à pandemia do coronavírus, medicamentos, insumos e equipamentos na área da saúde.


A questão da compra de vacinas pelos municípios recebeu o aval do Supremo Tribunal Federal, que referendou a decisão, por unanimidade, se houver descumprimento do Plano Nacional de Imunização (PNI) pelo Governo Federal ou caso não forneça cobertura imunológica a tempo e em quantidades suficientes.


Na mesma linha, o Congresso Nacional aprovou o projeto de Lei nº 534/2021, que autoriza a aquisição de vacinas pelos municípios brasileiros. Nesse contexto, a Frente Nacional de Prefeitos (FNP), apoia tecnicamente a instituição de Consórcio Público de abrangência nacional para aquisição de vacinas.


Com a missão de, caso seja necessário, adquirir imunizações complementares ao PNI, o Consórcio visa fortalecer o Sistema Único de Saúde (SUS), na medida em que todas as doses serão obrigatoriamente ofertadas à população de forma gratuita.


De acordo com a prefeita Marli Paulino, a vacinação em massa é uma forma de frear o avanço da doença e evitar o colapso na área de saúde. “Precisamos vacinar a população. Todas as doses de vacina que tem chegado para nós, estão sendo aplicadas de acordo com o PNI, mas, infelizmente são insuficientes, por isso, estamos esperançosos de que possamos comprar vacinas para evitar mais mortes e retomar as atividades econômicas, geração de emprego e renda e o convívio social”, salientou.


O projeto de Lei passará por duas votações na Câmara Municipal para que possa ser autorizada a participação do município de Pinhais neste novo consórcio. A primeira sessão será realizada nesta terça-feira (16).

15 de março de 2021 - Medidas Decretos nº 223/2021

Confira um resumo das principais medidas do novo Decreto 223/2021, com validade de 16 a 21 de março.

15 de março de 2021 - Novo decreto com medidas mais restritivas é publicado em Pinhais

As novas regras têm o objetivo de conter o avanço de casos de Covid-19


Após reunião do Fórum Metropolitano de Combate à Covid-19, nesta segunda-feira (15), a Prefeitura de Pinhais resolveu adotar decreto mais restritivo semelhante ao publicado pela Capital.

O novo decreto tem validade a partir do dia 16 e segue até o dia 21 de março, com o objetivo de tentar conter o avanço de casos da Covid-19.

Atividades suspensas

- Funcionamento das atividades e serviços não essenciais, em todas as modalidades de atendimento;

- Reuniões com aglomeração de pessoas, incluindo eventos, comemorações, assembleias, confraternizações, encontros familiares ou corporativos, em espaços de uso público, localizados em bens públicos ou privados;

- Parques, bosques e praças, sendo vedada a prática de toda e qualquer atividade individual ou coletiva em suas instalações;

- Espaços de prática de atividades esportivas individuais e coletivas, localizados em praças e demais bens públicos ou privados, estendendo-se a vedação aos clubes sociais e desportivos, condomínios e áreas residenciais;

- Consumo, em espaços de uso público ou coletivo, de bebidas alcoólicas.

Atividades essenciais com restrições

- Restaurantes, lanchonetes e venda de assados: das 10h às 23h, em todos os dias da semana, apenas nas modalidades de entrega (delivery), e retirada em balcão (take away), ficando vedado, em todos os dias da semana, o consumo no local;

- Panificadoras, padarias e confeitarias de rua: das 6h às 20h, de segunda a sábado, aos domingos das 7h às 18h, ficando vedado, em todos os dias da semana, o consumo no local;

Das 7h às 18h, de segunda a sábado, sendo autorizado aos domingos apenas o atendimento na modalidade delivery até as 20h, ficando vedado em todos os dias da semana, o consumo no local, para os seguintes estabelecimentos e atividades:

- Comércio varejista de hortifrutigranjeiros, quitandas, mercearias, distribuidoras de bebidas, peixarias e açougues;

- Mercados, supermercados e hipermercados;

- Comércio de produtos e alimentos para animais;

- Atividades de construção em geral, inclusive as Iojas: das 9h às 18h, em todos os dias da semana, apenas nas modalidades de entrega (delivery e drive thru) e retirada em balcão (take away);

- Hotéis, resorts, pousadas e hostels: em todos os dias da semana;

- Serviços de call center e telemarketing vinculados a serviços essenciais: a partir das 9h, e com até 50% da sua capacidade de operação;

- Estéticas, salões de beleza e barbearias, mediante prévio agendamento e atendimento individual, das 9 às 18 horas, em todos os dias da semana.

Nos estabelecimentos como supermercados, panificadoras, mercearias, restaurantes, lanchonetes e afins, é permitida apenas a comercialização de produtos essenciais (alimentos, bebidas, higiene e limpeza) para humanos e animais, devendo os demais setores serem isolados.

Também, pelo decreto fica proibida a circulação de pessoas, no período das 23 às 5 horas, em espaços e vias públicas, salvo em razão de atividades ou serviços essenciais e casos de urgência.

Para consultar o Decreto 223/2021 completo e o que são consideradas atividades essenciais, clique no link: https://pinhais.atende.net/?pg=diariooficial&edicao=1243

Prefeitura de Pinhais seguirá o Decreto da capital

Novas normas serão publicadas na próxima segunda-feira (15) pela manhã e terão validade imediata após a sua publicação


A gestão municipal de Pinhais entendendo a gravidade nacional com a pandemia da Covid-19, com a falta de leitos e sendo solidário com todos os municípios da Região Metropolitana de Curitiba (RMC), publicará na próxima segunda-feira (15) pela manhã, e com validade imediata após a sua publicação, um novo Decreto de combate à Covid-19, o qual seguirá as novas recomendações do Governo do Estado para a Região para a RMC.


As novas regras serão adotadas por todas as cidades da RMC após reunião emergencial que aconteceu na manhã deste sábado (13) com representantes da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec), a qual debateu o Decreto de Bandeira Vermelha adotada pela Prefeitura de Curitiba na noite de ontem (12), com medidas mais restritivas, e que aconteceu sem o conhecimento dos prefeitos da grande Curitiba.


Esta reunião on-line contou com a participação de gestores de Pinhais, de representantes dos municípios que compreendem a grande Curitiba e do secretário Estadual de Saúde, Beto Preto. De acordo com a secretária de Saúde de Pinhais, Adriane Jorge, o momento é crítico, por isso nosso município e as cidades da RMC vão seguir as medidas adotadas pela capital paranaense.


Vacinação de idosos de 79, 78 e 77 anos

Neste sábado (13) a vacinação domiciliar terá continuidade. Com o novo lote recebido, serão vacinados idosos de 79,78 e 77anos, conforme a disponibilidade de doses. Lembrando que o quantitativo recebido ainda não garante a imunização de 100% dos idosos destas idades. Também é importante salientar que a vacinação ocorre na residência, conforme o contato do profissional de saúde. NÃO PROCURE AS UNIDADES DE SAÚDE PARA VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19.

Geoprocessamento é utilizado no cadastramento da população a ser vacinada contra a Covid-19

A Prefeitura de Pinhais, por meio da parceria entre as Secretarias Municipais de Urbanismo e de Saúde, desenvolve um projeto que contempla o mapeamento do cadastramento da população e distribuição das vacinas contra a Covid-19. A iniciativa se inspira em experiências bem sucedidas realizadas em outros períodos pandêmicos.

Neste procedimento, os munícipes idosos e portadores de comorbidades, definidos como o alvo inicial na distribuição de imunizantes, realizam seu cadastro de solicitação de vacinação. Nele, além de preencher seus dados pessoais, escolhem a forma preferencial para se imunizar: visitação do agente de saúde, deslocamento até o local de vacinação ou sistema drive-thru.

De acordo com a arquiteta e urbanista, diretora do Departamento de Planejamento Urbano, Yoná Lemos Ruthes, essas informações são elaboradas, completadas, corrigidas e mapeadas, visando devolvê-las à Secretaria de Saúde de maneira rápida e prática, separadas de acordo com a área de abrangência de cada Unidade de Saúde da Família do município.

“O objetivo deste projeto é que ninguém venha a ser esquecido ou descartado por falta de informações neste processo. Os maiores desafios estão na interpretação e localização dos endereços não oficiais, como as áreas de ocupação irregular, registros sem ligação com a cartografia que precisam ser criados manualmente, bem como as numerações prediais postas em desacordo com o cadastro municipal”, explica Yoná.

“A partir de cada levantamento diário de dados dos novos cadastros feitos nos formulários de solicitação de vacinas, é necessário rodar diversas linhas de programação para corrigir as grafias e converter os endereços preenchidos em um código de ligação com os pontos de localização de cada endereço válido no município. Para a devolução dos dados à Secretaria de Saúde foi configurado um serviço de Webmap, onde fica visualmente clara a distribuição deste cadastramento sobre o território municipal, ressalta Yoná.

Inspiração

Em 1854, na cidade de Londres ocorreu um histórico controle pandêmico iniciado por John Snow, um epidemiologista que cartografou os poços e bicas d’água, identificando e relacionando-os aos casos de cólera que assolavam a Europa. A pandemia de cólera ceifou mais de 1 milhão de vidas entre os anos de 1846 e 1860 e a experiência de John Snow possibilitou o entendimento e o controle do contágio desta doença.

“Esta forma rudimentar de geoprocessamento, aliando os dados epidêmicos e a cartografia local, mostrou-se uma ferramenta essencial na análise no controle e no enfrentamento de doenças e crises sanitárias. Afinal, observar a distribuição espacial dos casos, por meio de um mapeamento seguro e preciso, possibilita a otimização dos recursos e direciona as ações”, conclui Yoná.

Vacinação de idosos de 78 e 77 anos e profissionais da saúde em Pinhais

Pinhais recebe mais 660 doses de vacinas contra a Covid-19. Com este novo lote, a imunização avança para a faixa etária de 78 e 77, além dos profissionais da saúde que fazem parte do grupo prioritário da primeira fase. A imunização segue conforme a disponibilidade da vacina. Lembrando que o quantitativo recebido ainda não garante a imunização de 100% dos idosos destas idades. Também é importante salientar que a vacinação ocorre no domicílio, conforme o contato do profissional de saúde.

Saiba mais sobre as vacinas contra a Covid-19 e a importância da imunização

Há aproximadamente dois meses o Brasil iniciou o Plano Nacional de Vacinação. As doses adquiridas pelo Ministério da Saúde são enviadas para os Estados que encaminham aos Municípios que são responsáveis pela aplicação da vacina de forma escalonada.


Segundo especialistas, a vacinação protege a pessoa que toma e aqueles que estão ao seu redor, pois diminui a chance de contágio, inclusive, para aqueles que não tomaram a vacina. Essa simples ação ajuda a erradicar a doença. No Brasil, por exemplo, doenças como o Sarampo e Coqueluche, estão controladas graças ao elevado índice de imunização. Outra questão que merece ênfase é que o Brasil está entre os países que possuem um serviço de vacinação eficiente, sendo um modelo a ser seguido por outras nações.


Vacina Covid-19

A vacinação contra a Covid-19 é uma questão de suma importância para a saúde pública. Contudo, há dúvidas e, infelizmente, presenciamos desinformações que se espalham pelas redes sociais e internet chegando ao conhecimento da população. Por essa razão, a conscientização sobre a importância de se tomar a vacina do coronavírus precisa ser frisada.


Hoje, no país, estão disponíveis as vacinas Coronavac e Oxford/Astrazeneca, ambas aplicadas em duas doses. Neste ponto, um esclarecimento: o paciente não pode escolher qual delas quer tomar, sendo que a recomendação é receber as duas doses da mesma vacina. Como existe um intervalo entre as aplicações, Coronavac (de 14 a 28 dias) e Oxford/Astrazeneca (até 90 dias) não há problema em receber a segunda dose após esses períodos, afinal, estudos demonstram que intervalos maiores entre as doses são mais eficazes.


Porque a imunização é importante?

É fundamental que todos tomem a vacina para cumprirmos dois objetivos básicos: 1º - havendo infecção pelo coronavírus, a vacina protege a pessoa contaminada de sintomas mais graves, evitando hospitalizações e mortes; 2º - impedir a contaminação de mais pessoas. Quanto maior o número de pessoas vacinadas, menor o risco de doença e a chance de circulação do vírus.


As vacinas que são utilizadas hoje no Brasil foram avaliadas nas 3 fases de pesquisa e o processo regulatório brasileiro, assim como em outras agências internacionais, foi cumprido. Inclusive, estão disponíveis também em outros países, como na China, Turquia, Indonésia e Chipre, no caso da Coronavac, e na Inglaterra, Maldivas, Marrocos, Irlanda, Escócia, no caso da Oxford/Astrazeneca.


Fake news

E tratando da questão da desinformação, alguns pontos devem ser abordados para desmentir as fake news: a vacina contém o vírus inativado ou o vetor viral, que não possui a capacidade de replicar e causar a doença, não provoca mutações no DNA, autismo e não existe nenhum tipo de dispositivo eletrônico, um chip para rastrear as pessoas vacinadas. Essas são apenas algumas de várias informações fraudulentas sobre a vacina que estão circulando, por isso, fique atento.

Com um número cada vez maior de vacinados, as autoridades em saúde esperam que haja uma diminuição na circulação do vírus, protegendo as pessoas das formas mais graves da doença e diminuindo as chances de óbito.


Contudo, é necessário continuar com todas as medidas convencionais mantendo o distanciamento social, usando máscara de proteção e higienizando as mãos com álcool em gel. A vacinação vem acontecendo, mas não podemos relaxar com as medidas de segurança e prevenção, zelar pela nossa saúde é um ato de responsabilidade.


Está com sintomas da Covid-19 ou precisa de orientações?

Se você sentir algum sintoma e/ou teve contato - sem máscara, a menos de 1,5 m de distância, por mais de 15 minutos, com alguém que testou positivo, antes de procurar pelos serviços de saúde, entre em contato com a Unidade de Saúde mais próxima, através do WhatsApp.


USF Ana Neri- telefone: 3912-5397.

USF Esplanada - telefone: 3912-5346.

USF Jardim Karla - telefone: 3901-5777.

USF Maria Antonieta - telefone: 3912-5354.

USF Perdizes - telefone: 3912-5349.

USF Perneta - telefone: 3912-5357.

USF Tarumã - telefone: 3912-5361.

USF Tebas - telefone: 3912-5370.

USF Vargem Grande - telefone: 3912-5379.

USF Vila Amélia - telefone: 3912-5365.

USF Weissópolis - telefone: 3912-5372.

ATENÇÃO !

Tendo em vista o aumento de casos do COVID-19 nos últimos dias, alertamos a população que procure a Unidade de Saúde da Família mais próxima da sua residência, nos casos de:


  • Sintomas de COVID (falta de ar, febre, tosse seca e dor de garganta)

  • Se estiver com a Pressão Alta ou a Glicemia descompensada

  • Dor forte e doenças transmissíveis

  • Acompanhamento e tratamento de câncer

  • Casos de Violência


Qualquer outra situação diferente destas citadas acima, você pode procurar a Unidade de Saúde pelos telefones ou números de WhatsApp listados abaixo:


USF ESPLANADA - 3912-5346

USF WEISSÓPOLIS - 3912-5372

USF VARGEM GRANDE - 3912-5379

USF MARIA ANTONIETA - 3912-5354

USF PERNETA - 3912-5357

USF PERDIZES - 3912-5349

USF TEBAS - 3912-5370

USF ANA NERI - 3912-5397

USF JARDIM KARLA - 3912-5777

USF TARUMÃ - 3912-5361

USF VILA AMÉLIA - 3912-5365


É muito importante que neste momento a população SÓ PROCURE A UNIDADE DE SAÚDE em CASO DE REAL NECESSIDADE.


Evitem qualquer tipo de aglomeração, façam sempre a higiene adequada das mãos, usem máscara sempre.


Neste momento é importante que cada um faça sua parte.Vamos evitar a circulação dos vírus!

Registro de doses aplicadas da vacina contra a Covid-19 chega a 97% em Pinhais

Sem dúvida, uma importante arma contra a Covid-19 é a informação. Além do árduo trabalho realizado pelos profissionais que atuam na linha de frente, a transparência na divulgação dos dados relacionados à pandemia torna-se uma grande aliada. Nesse sentido, o município de Pinhais se destaca na Região Metropolitana de Curitiba por chegar à marca de 97% no registro de doses aplicadas da vacina.


Este controle é realizado por meio do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (Novo SI-PNI – online) disponibilizado para a campanha de vacinação contra a Covid-19. “A modalidade de registro individualizado garante o reconhecimento da pessoa vacinada pelo número do CPF ou do Cartão Nacional de Saúde (CNS), a fim de possibilitar o acompanhamento de quem já foi vacinado, evitar duplicidade de vacinação, identificar e monitorar a investigação de possíveis eventos adversos”, explica Dielli Bondan dos Reis, da gerência de Infectologia e Vigilância Epidemiológica.


Em Pinhais, o registro de doses aplicadas é realizado por todas as equipes envolvidas na Campanha de Vacinação contra a doença. “Todas as unidades estão equipadas com computadores e acesso à internet, o que facilita manter os dados atualizados nos sistemas do Ministério da Saúde. Além disso, o ministério disponibilizou o aplicativo Conecte SUS no qual cada dose aplicada e registrada no sistema de informação, constará na carteira digital de vacinação do usuário, identificado por meio do CPF ou do CNS”, salienta.


Também são registrados o tipo de vacina, seu lote de fabricação e a data em que foi tomada a dose. “Com esta ferramenta, em virtude do uso de mais de uma vacina na imunização da população brasileira, é possível o monitoramento da sua situação vacinal pelo indivíduo, contando, inclusive com lembretes do prazo para realização da segunda dose, e a equipe envolvida na vacinação pode visualizar os dados referentes às doses da vacina”, completa Dielli.

A Covid-19 já levou mais de 200 pessoas em Pinhais. Não seja a próxima vítima. Mantenha os cuidados.

A saúde está a beira de um colapso no Brasil, alguns estados já vivem essa triste realidade. No Paraná chegamos a uma ocupação de 97% dos leitos de UTI. Em Pinhais já registramos 204 óbitos. Todos os dias são registrados novos casos na cidade.


Por isso, não seja a próxima vitíma e também não permita que seja alguém da sua família. MANTENHA OS CUIDADOS DE PREVENÇÃO.


#juntoscontraocorona #pinhaiscontraocorona #saudepinhais

Vacinação em domicílio agiliza o processo de imunização dos idosos e preserva a saúde dos pacientes

Respeito, segurança e um olhar sensível. Estes três aspectos podem ser citados diante da estratégia da Secretaria Municipal de Saúde de Pinhais, ao vacinar os idosos com mais de 75 anos em suas casas. O processo de imunização deste grupo prioritário já contemplou 181 idosos com mais de 90 anos e 1.104 com mais de 80, além dos residentes em instituições de longa permanência que somam 74 doses aplicadas.


A secretária de saúde de Pinhais, Adriane da Silva Jorge Carvalho, explica que desde o início da imunização houve o entendimento de que o público de idosos, acima de 75 anos, que está contemplado na primeira fase poderia, tranquilamente, ser imunizado em suas casas pelas equipes de saúde. “Usamos esta estratégia, primeiramente, para não ter esse usuário saindo de casa, além de evitar a exposição desta pessoa e familiar por se dirigirem até a unidade de saúde, local onde estão sendo atendidos pacientes suspeitos e positivos para Covid-19. Outra questão, é que muitos estão acamados ou têm alguma limitação para se locomover”, explica a secretária.


O resultado, segundo as equipes de saúde, é o agradecimento e reconhecimento por parte das famílias e idosos. Além disso, a distribuição das vacinas tem sido mais ágil. “Buscamos, com essa estratégia, ser mais ágeis, uma vez que quando chegam as vacinas já temos esse usuário cadastrado, as unidades já conhecem e fazem uma força tarefa e vão para rua. Então, esta forma de vacinar deu muito certo, a nossa avaliação foi bem positiva, porque vamos com muita segurança, os profissionais vacinadores já estão imunizados e utilizam equipamentos de proteção”, finaliza a secretária.


Desde a última sexta-feira (5) a Secretaria de Saúde começou a imunização dos idosos com 81, 80 e 79 anos.

Secretaria de Assistência Social de Pinhais recebe doação de álcool em gel

Em meio a tantas notícias tristes que acompanhamos durante toda a pandemia de Covid-19, surgem atos de solidariedade que nos fazem renovar a esperança. Exemplo disso é a atitude da equipe da empresa Dexter Latina Indústria e Comércio de Produtos Químicos Ltda que doou 80 caixas de álcool em gel para a Prefeitura de Pinhais.

“A busca por um mundo mais igualitário e solidário começa com alguns gestos. Por este motivo, atitudes como doações são tão importantes para a perpetuação da cultura do bem. Devemos enaltecer iniciativas como da Empresa Dexter Latina Indústria e Comércio de Produtos Químicos. Os itens doados serão distribuídos às famílias atendidas em Pinhais pela Secretaria de Assistência Social”, explica Micheli Cristina Strapasson Ribeiro, do Departamento de Proteção Social Básica.

“Gostaríamos de externar a nossa gratidão pela doação que fizeram às famílias atendidas no município de Pinhais e desejamos que cada ato de solidariedade possa multiplicar-se em constantes conquistas pela empresa”, completa Micheli.

Serviço

As empresas que desejam contribuir por meio de doações podem entrar em contato com a Secretaria de Assistência Social pelos telefones (41) 3912-5216 e 3912-5226.

Cadastro para vacinação de pessoas com mais de 60 anos

A imunização continua sendo realizada em Pinhais, tendo como público prioritário os idosos com mais de 80 anos. Conforme recebemos mais doses pelo Governo Federal, avançamos para as demais faixas etárias. Como já divulgado desde o início da vacinação, é fundamental que as pessoas com mais de 60 anos façam o seu cadastro. Acesse o site: pinhais.pr.gov.br/vacina

Vacinação de 81, 80 e 79 anos em Pinhais

Nesta sexta-feira (5), Pinhais recebe mais 430 doses de vacinas contra a Covid-19. Com este novo lote, a imunização avança para a faixa etária de 81, 80 e 79, este último grupo conforme disponibilidade da vacina. Lembrando que o quantitativo recebido ainda não garante a imunização de 100% dos idosos destas idades.

Operação fiscaliza estabelecimentos comerciais em Pinhais

Com o objetivo de verificar o cumprimento das medidas de prevenção da Covid-19, pelos estabelecimentos comerciais do município, foi realizada nesta quarta-feira (3), em Pinhais, mais uma edição da Operação AIFU (Ação Integrada de Fiscalização Urbana).


A ação contou com os trabalhos da Guarda Municipal de Pinhais, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e equipes de fiscais das secretarias de Finanças e Urbanismo.


A operação passou em todos os bairros do município, resultando em oito estabelecimentos fiscalizados, os quais receberam orientações, sendo que cinco receberam o auto de infração.

Pinhais irá aderir ao consórcio para compra de vacinas

O consórcio não é para compra imediata de imunizantes, mas para respaldo jurídico e organização prévia caso o Governo Federal não cumpra o PNI


A Frente Nacional de Prefeitos (FNP) criou um movimento com o intuito de formar um consórcio para compra de vacinas, e nesta semana a Prefeitura de Pinhais confirmou que irá aderir à associação de prefeitos e prefeitas de diversos municípios brasileiros. No entanto, o consórcio não é para compra imediata de imunizantes, mas para respaldo jurídico e organização prévia, caso o Governo Federal não cumpra o Plano Nacional de Imunização (PNI).


A previsão é de que até a segunda quinzena do mês de março o grupo seja constituído legalmente. Ressalta-se que a autorização para a aquisição de imunizantes foi admitida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) nos casos de descumprimento do Programa Nacional de Imunizações (PNI) pelo governo federal ou de insuficiência de doses previstas para imunizar a população.


Primeiro encontro

Na última segunda-feira (1º), foi promovida a primeira reunião para discutir a constituição de um consórcio público municipal e a secretária de Saúde de Pinhais, Adriane da Silva Jorge Carvalho, esteve entre as participantes. Liderada pela FNP, a iniciativa vai ao encontro da já mencionada decisão do STF, que autorizou estados e municípios a comprarem os imunizantes.


“Nós sabemos que há uma pressão para que as prefeituras adquiram as vacinas, porém, há toda uma orientação jurídica para que isso ocorra. Neste momento, nenhum município tem como comprar, pois o Ministério da Saúde está cumprindo com a prerrogativa do STF. Com o consórcio nós teremos mais tranquilidade e agilidade quando essa compra for possível”, reitera a secretária.


Até a próxima sexta-feira (5), os municípios podem enviar o cadastro que formaliza a adesão, uma vez que todos poderão participar do consórcio público para aquisição de vacinas.

Guarda Municipal acaba com festa clandestina que reunia aproximadamente 100 pessoas

A Guarda Municipal de Pinhais descobriu uma festa clandestina que reunia aproximadamente 100 pessoas na madrugada do último sábado (27). A festa foi encerrada e o responsável pelo evento encaminhado para a 5ª Companhia da Polícia Militar para a confecção do Termo Circunstanciado.


Desde a última sexta-feira (26), novas medidas para conter a proliferação do novo coronavírus foram decretadas pelo Governo do Estado e seguidas pelos municípios. Para verificar o cumprimento das medidas restritivas de caráter obrigatório, a Guarda Municipal e equipes da fiscalização constataram uma festa clandestina no bairro Vargem Grande. No local, havia aproximadamente 100 pessoas.


Equipes da GM e Polícia Militar foram chamadas para dar apoio a ocorrência. Os guardas e policiais realizaram a abordagem pessoal aos frequentadores da festa e nada de ilícito foi encontrado. Um fiscal da Secretaria de Finanças esteve presente no local para conferir a documentação. A festa foi encerrada e o responsável pelo evento foi encaminhado e vai responder pelos crimes previstos em lei.

Equipes de fiscalização orientam fechamento de estabelecimentos que não cumprem medidas de novo decreto

As determinações valem por 10 dias e, entre outras coisas, proíbe a circulação de pessoas nas ruas, das 20h às 5h


Tiveram início neste sábado (27), as ações de fiscalização para o cumprimento das medidas estabelecidas para frear a propagação da Covid-19, previstas no decreto do Governo do Estado acatado pela Prefeitura de Pinhais. Além disso, foram estabelecidas outras decisões, como o fechamento de parques e bosques.


As equipes de fiscalização, acompanhadas da Guarda Municipal, percorrem a cidade com o intuito de verificar se os estabelecimentos estão seguindo as determinações do decreto. Inicialmente ocorreu a orientação de fechamento e, caso haja reincidência, serão autuados, visto que até o próximo dia 8 de março está proibido o funcionamento de serviços considerados não essenciais; a circulação nas ruas das 20h às 5h; entre outros pontos (o decreto completo está disponível no portal da Prefeitura).


Festa clandestina

Na madrugada deste dia 27, as equipes também localizaram uma festa clandestina com cerca de 100 pessoas. Diante do flagrante, a confraternização ilegal foi encerrada e o responsável pelo evento encaminhado à Delegacia de Pinhais para as providências cabíveis.


Cabe ressaltar que o Paraná vive o pior momento da pandemia, desde o seu início, portanto, se faz necessária a adoção de medidas como estas. Ainda, cada um precisa fazer sua parte e preservar os cuidados, como uso de máscara e ficar em casa, sempre que possível.


Caso constate irregularidades pode denunciar à GM pelo 153.

Parques e bosques de Pinhais estarão fechados até dia 7 de março

A decisão está entre as medidas adotadas para evitar a propagação do contágio pelo novo coronavírus


Para evitar a aglomeração de pessoas em espaços públicos, seguindo a recomendação de órgãos de saúde, a Prefeitura de Pinhais suspendeu o funcionamento de parques e bosques do município a partir deste sábado (27), até dia 7 de março.


A decisão está entre as ações que visam evitar a propagação do contágio pelo novo coronavírus. Com isso, o Parque das Águas, ParCão, os dois Bosques, seguem fechados ao público.


Reforçamos que este é um momento em que toda a sociedade precisa estar unida para vencer esta pandemia. Com isso, a Prefeitura de Pinhais segue adotando medidas no sentido de contribuir para frear a contaminação pelo coronavírus.

Secretaria de Educação suspende aulas presenciais em Pinhais

Em consonância com o decreto do Governo do Estado, as aulas neste modelo estão suspensas até o dia 5 de março. As atividades remotas serão mantidas

Entre as medidas estabelecidas pelo Governo do Estado, em novo decreto publicado nesta sexta-feira (26), está prevista a suspensão das aulas presenciais. Portanto, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) de Pinhais, acatando a determinação, suspende as aulas neste modelo até a próxima sexta-feira, 5 de março.


Em consonância com a decisão estadual, a Prefeitura de Pinhais interrompe as aulas presenciais em escolas municipais públicas e privadas, inclusive nas escolas de idiomas, cursos de música, reciclagem profissional ou tecnológico, teatro, artes visuais, artesanatos, de qualificação profissionalizantes, cursos e aulas de reforço escolar e nas entidades conveniadas com o Município de Pinhais.

A Semed ressalta que as atividades remotas seguem sendo realizadas normalmente, conforme já estabelecido desde o início do ano letivo. “Nossa decisão de retomar as aulas presenciais esteve respaldada em orientação do Ministério Público, da Secretaria de Saúde, além disso, fizemos diversas adequações, adotamos medidas que visam a prevenção do contágio da Covid-19 para alunos e profissionais. Entretanto, neste momento crítico da pandemia, seguiremos a orientação do Estado, mas mantendo as atividades remotas”, declara a secretária de Educação, Andrea Franceschini.

Novo decreto do Governo do Estado traz medidas mais restritivas para conter transmissão do coronavírus

Todas as normas municipais que dispõe sobre medidas temporárias de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus ficam suspensas durante a vigência do Decreto Estadual

O município de Pinhais acatou integralmente, na tarde desta sexta-feira (26), o Decreto do Governador do Paraná Carlos Massa Ratinho Junior que traz medidas mais restritivas no intuito de frear a contaminação pelo novo coronavírus no Estado. As determinações passam a valer a partir da 0h do dia 27 de fevereiro e seguem até as 5h do dia 8 de março.

O Paraná vive o pior momento, desde o início da pandemia em março de 2020. Ao longo deste mês, o Estado vem batendo recordes no número de internações por Covid-19. A taxa de ocupação dos leitos chegou a mais de 93%. Esses índices motivaram a tomada de decisão por parte do Governo.

Em reunião realizada nesta sexta-feira, entre o Governo do Estado e os prefeitos das cidades da região metropolitana, decidiu-se que os municípios em conjunto irão seguir as determinações do Estado, para tentar diminuir a taxa de contágio. “Estamos vivendo um momento difícil, em que o número de contaminações aumentou consideravelmente nos últimos dias. Essas medidas são fundamentais para evitar o colapso no sistema de saúde. Por isso, em comum acordo com os municípios, vamos acatar integralmente as determinações do Estado do Paraná”, comentou a Prefeita de Pinhais, Marli Paulino.

Desta forma, as normas municipais que dispõe sobre medidas temporárias de prevenção ao contágio pelo coronavírus (Covid-19), ficam suspensas durante a vigência do Decreto Estadual nº 6.983/2021, naquilo que tiver regulamentação conflitante.

Confira as determinações:

  • Suspensão do funcionamento das atividades não essenciais;

  • Proibição de circulação em espaços e vias públicas das 20h às 5h;

  • Proibição de comercialização e consumo de bebidas alcoólicas em espaços públicos ou coletivos das 20h às 5h;

  • Suspensão das aulas presenciais em escolas, universidades e instituições estaduais públicas e privadas;

  • Adequação dos expedientes dos trabalhadores aos horários de proibição provisória de circulação;

  • Atividades religiosas funcionam de acordo com a resolução 221/2021, da Secretaria de Estado da Saúde - Sesa;

  • Regime de teletrabalho para órgãos do Estado;

  • Permitidos delivery, drive-thru e take away;

  • Priorização da substituição do regime de trabalho presencial para o teletrabalho, quando possível;

  • Suspensão das cirurgias eletivas por 30 dias para unidades públicas e privadas.

Além das medidas estaduais, a Prefeitura de Pinhais incluiu no Decreto 153/2021 a suspensão das aulas presenciais em escolas municipais públicas e privadas, inclusive nas escolas de idiomas, cursos de música, reciclagem profissional ou tecnológico, teatro, artes visuais, artesanatos, de qualificação profissionalizantes, cursos e aulas de reforço escolar e nas entidades conveniadas com o município de Pinhais.

Confira o novo decreto no link: https://pinhais.atende.net/atende.php?rot=54002&aca=737&processo=visualizar&codigo=1223

Grande mobilização para vacinação de idosos acima de 82 anos

Neste sábado (27) a Secretaria Municipal de Saúde estará mobilizada com 28 equipes para vacinar idosos com mais de 82 anos em suas residências. O objetivo é imunizar o máximo de pessoas neste grupo, finalizando com as doses recebidas recentemente para avançar com vacinação contra a Covid-19 em Pinhais. Importante ressaltar que os profissionais vacinadores estarão identificados e visitarão os idosos previamente cadastrados.

Pinhais recebe 750 novas doses de vacina

A Secretaria de Saúde confirmou o recebimento das novas doses ainda nesta semana, com isso, a imunização de idosos com mais de 80 anos irá prosseguir. Importante ressaltar que a vacinação seguirá sendo realizada de forma decrescente, ou seja, inicia pelos de maior idade até chegar em 80 anos. Ainda há uma grande demanda de vacinas nesta faixa etária, portanto, as equipes da Semsa seguirão este esquema de atendimento até a finalização das doses e imunização do máximo de pacientes deste grupo.

Pinhais receberá mais doses de vacina para prosseguir com imunização contra a Covid-19

O Governo do Estado ainda não confirmou a data de entrega dos imunizantes que continuarão a ser aplicados nos públicos prioritários, de acordo com o Plano Estadual de Vacinação

Na última terça-feira (23), o Ministério da Saúde confirmou ao Governo do Paraná o envio de mais doses da vacina contra o novo coronavírus. Com isso, a Prefeitura de Pinhais receberá este novo lote, porém, ainda sem data definida. Até o momento, as equipes da Secretaria Municipal de Saúde vacinaram 2.535 pessoas.

Segundo o Governo do Estado, as novas doses continuarão a ser aplicadas nos públicos prioritários, de acordo com o Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19. Ele segue a mesma linha do Plano Nacional de Imunização, ou seja, nesta primeira etapa da vacinação continuarão a ser imunizados profissionais da saúde que atuam na linha de frente de atendimento aos doentes e idosos com mais de 80 anos.

Os imunizantes enviados serão da Universidade de Oxford em parceria com a AstraZeneca e a Fiocruz, além da CoronaVac, desenvolvida pela Sinovac em conjunto com o Instituto Butantan.

Alerta - Mantenha os cuidados contra o Coronavírus

Estamos em uma fase muito preocupante da pandemia, com ocupação de leitos próxima de 100%. Por isso, nunca é demais lembrar que os cuidados precisam ser mantidos e reforçados.


Cuide de você e dem quem ama.

Vacinação de idosos de 87, 86 e 85 anos em Pinhais

A Secretaria de Saúde segue com a vacinação dos idosos com mais de 80 anos. Entre hoje e amanhã realiza a imunização dos idosos de 87, 86 e 85 anos. Lembrando que este grupo é está sendo vacinado em suas casas pelas profissionais da saúde.

Volta às aulas com segurança

Retorno das atividades presenciais nas escolas municipais em modelo híbrido. Reafirmamos nosso compromisso em garantir a toda comunidade estudantil um retorno seguro e também reforçamos os pedidos aos pais e responsáveis para que orientem os estudantes nos cuidados que devem ser tomados.

Entre as medidas adotadas para o retorno seguro estão:

- Uso obrigatório de máscara para profissionais e estudantes

- Totens e frascos de álcool em gel disponíveis

- Interdição de bebedouros coletivos

- Distanciamento social de 1,5 metro

- Desinfecção de mobiliário e materiais em geral com álcool 70%, entre outras medidas.

Pinhais está preparada para receber os alunos nesta quinta-feira (18)

Inicialmente retornarão os educandos das escolas e no dia 1º de março dos Centros Municipais de Educação Infantil


Nesta quinta-feira (18) as escolas da rede municipal de ensino receberão os alunos no retorno das aulas presenciais, após uma intensa preparação respeitando os protocolos de segurança devido à Covid-19. Por não ser de adesão obrigatória, as atividades remotas continuarão a ser disponibilizadas para todos os alunos.


Para atender todas as turmas, de acordo com as medidas de saúde, os alunos serão divididos em grupos e as aulas ocorrerão no modelo híbrido, ou seja, cada um deles estará presencialmente durante uma semana e na seguinte continuará estudando em casa conforme os blocos de atividades. Essa adequação se dará nos casos em que as turmas precisam ser reduzidas pela quantidade de educandos no modelo presencial.


As unidades de ensino passaram por uma série de adequações como redução e distanciamento entre mesas e cadeiras nas salas de aula; avisos em diversos pontos reforçando as medidas, como uso de máscara e higienização frequente das mãos; interdição de alguns espaços; local para quarentena dos materiais; disponibilização de luvas e máscaras descartáveis. “Todos os alunos e professores receberão duas máscaras de tecido, além das descartáveis disponíveis em todas as salas, e o cumprimento de todas medidas será fiscalizado por uma comissão formada pela comunidade escolar, em cada unidade”, complementa Andrea Franceschini, secretária de Educação de Pinhais.


Para estabelecer as medidas mais seguras possível, uma equipe técnica elaborou um protocolo de biossegurança a ser seguido em todas as unidades de ensino. “Nós instituímos um comitê no município com a participação de todos os segmentos da educação, saúde, assistência social, conselhos voltados à área educacional, para que pudéssemos discutir qual seria o melhor modelo de protocolo desse retorno seguro. Então nestas discussões, sempre respaldadas pela Secretaria de Saúde, nós elaboramos um protocolo de biossegurança para esse retorno das aulas”, explica Andrea.


Neste primeiro momento retornam presencialmente os alunos das escolas, e a partir do dia 1º de março dos Cmeis.

Operação Aifu fiscaliza estabelecimentos comerciais do município

Foi realizada em Pinhais, na noite da última sexta-feira (12), mais uma edição da Operação AIFU (Ação Integrada de Fiscalização Urbana) que tem o objetivo de verificar o cumprimento das medidas de prevenção da Covid-19 pelos estabelecimentos comerciais da cidade.


Esta é uma ação realizada pela Guarda Municipal de Pinhais (GM) e Polícia Militar, com o apoio do Corpo de Bombeiros, Conselho Tutelar e das secretarias de Meio Ambiente, Urbanismo e Saúde (Vigilância Sanitária).


A operação realizada na última semana resultou na notificação de nove estabelecimentos comerciais e o cumprimento de um mandado de prisão.


Operações de trânsito

Também na última sexta-feira (12), foi realizada uma operação de trânsito integrada pela Polícia Militar e pela Guarda Municipal. Promovida no bairro Weissópolis, a ação resultou em 16 motos recolhidas, 134 pessoas abordadas e 49 notificações.


Já nesta semana, na terça-feira (16), a Polícia Militar e a Guarda Municipal realizam a operação de trânsito Bloqueio que aconteceu na rua Mandaguaçu, no bairro Emiliano Perneta e resultou em 12 motos e um veículo recolhidos, 40 pessoas abordadas, 5 motocicletas notificadas, além de 16 CRLV (Certificado de registro e licenciamento de veículo) e uma carteira de habilitação recolhidas.

2ª dose da vacina começa a ser aplicada

A Secretaria de Saúde recebeu mais 1.222 doses de vacinas, número igual a primeira remessa, para aplicar a segunda dose daqueles que foram os primeiros imunizados na campanha. A aplicação teve início nesta sexta-feira (12), e com isso seguimos com a programação dos planos municipal e estadual de vacinação.

A máscara mais bonita deste carnaval é esta aqui

Neste Carnaval o Coronavírus continua com o bloco na rua, e a Covid-19 nem pode pensar em chegar. Se for sair, não deixe de usar máscara, mantenha o distanciamento em locais públicos e lave sempre as mãos. No bloco da prevenção, o melhor cordão de isolamento é a responsabilidade.

Vacinação de idosos na faixa etária de 88 e 89 anos

Estes são alguns registros das vacinações dos idosos em Pinhais. Neste momento as equipes da Secretaria Municipal de Saúde realizam a imunização dos idosos na faixa etária de 88 e 89 anos. Esta fase teve início na última segunda-feira (8) e inclusive idosos centenários já foram vacinados.

Casos de fura-filas da vacina estão sob investigação em Pinhais

A Secretaria Municipal de Saúde de Pinhais instaurou uma Comissão para acompanhar os casos de denúncias de fura-filas da vacinação contra a Covid-19. Até o momento, a Prefeitura de Pinhais foi notificada de dois casos, uma dentista e uma terapeuta. Entretanto, a Controladoria-Geral do Estado (CGE) registrou quatro casos suspeitos no Município.

A Prefeitura de Pinhais salienta que colabora com a identificação das pessoas que tenham sido vacinadas fora dos grupos prioritários e que todas as informações serão repassadas aos órgãos competentes para as possíveis sanções dos responsáveis. Pinhais está respaldada ainda nas decisões da Procuradoria Geral do Município, que caso verifique qualquer irregularidade irá identificar e encaminhar a representação ao Ministério Público. Posto isso, a Prefeitura de Pinhais se antecipa também identificando demais casos suspeitos.

Reafirma ainda que, no pré-cadastro para a vacinação disponibilizado pela Secretaria de Saúde, o próprio profissional se coloca na posição de atuante e apresenta registros para tal. “Com isso, contamos também que a pessoa não agiu de má fé, como no caso dos trabalhadores da saúde os quais devem atuar em estabelecimentos de saúde, conforme diretrizes dos planos de vacinação”, ressalta a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho.

Idosos centenários são vacinados em Pinhais

Essa nova fase da vacinação é destinada ao público com mais de 80 anos


O município de Pinhais iniciou a vacinação de idosos nesta segunda-feira (8). A nova remessa de vacinas contra a Covid-19, produzidas no Instituto Butantan, é destinada exclusivamente ao público com mais de 80 anos, subgrupo prioritário na vacinação de idosos.


Para priorizar os mais velhos, a imunização está sendo feita escalonadamente, iniciando pelos de maior idade até chegar aos 80 anos. Os profissionais de saúde estão indo até a residência daqueles que estão no cadastro disponibilizado no site da Prefeitura e que, portanto, serão comunicados previamente.


As equipes da Unidade de Saúde do Jardim Karla e Esplanada imunizaram dois idosos centenários. Adair de Mattos, conhecida como Dona Paulista e Orentino Buava da Silva, ambos de 103 anos, receberam a dose da vacina, na manhã desta terça-feira (9). “Depois de longos e árduos meses de espera, iniciamos hoje a vacinação dos nossos idosos. O olhar de alívio, alegria e gratidão de como somos recebidos não tem preço. Que sejam apenas as primeiras de muitas doses de esperança”, relatou a coordenadora da USF Jardim Karla, Elisangela Dutra.


Cadastro

Se você tem mais de 60 anos ou é profissional de saúde, faça seu pré-cadastro no site Prefeitura de Pinhais, no link www.pinhais.pr.gov.br/vacina

Alerta de Golpe

A Prefeitura de Pinhais alerta que uma tentativa de golpe está sendo aplicada, com o intuito de clonagem do WhatsApp. A Secretaria de Saúde não envia mensagens para confirmar o agendamento para a vacinação. Não repasse informações pessoais e não responda a estas mensagens. Crimes cibernéticos podem ser denunciados para o Núcleo de Combate aos Cibercrimes da Polícia Civil pelo telefone 3304-6800 ou e-mail: cibercrimes@pc.pr.gov.br.

Orientações sobre os cuidados para prevenção da Covid-19 continuam em Pinhais

GM e Defesa Civil orientam a população que frequenta os espaços públicos, como em relação ao uso de máscara

As orientações e fiscalizações estão entre as ações rotineiras da Guarda Municipal de Pinhais. Entre os pontos em que realizam operações está o Parque das Águas, o qual voltou a funcionar aos finais de semana e, portanto, recebe um maior número de visitantes neste período.

Nestas ocasiões, as equipes da GM em conjunto com a Defesa Civil orientam a população que frequenta os espaços públicos de Pinhais, especialmente em relação aos cuidados preventivos da Covid-19, como o uso de máscara.

Segundo o superintendente da Guarda Municipal, Dorival Selbach Junior, estas ações visam, entre outras coisas, reforçar as medidas que devem ser tomadas pela população. “Os parques e bosques permaneceram fechados por um período por conta da pandemia, neste momento eles foram reabertos para a prática de atividades físicas. Porém, a pandemia não acabou, então todos precisam fazer sua parte, e o uso de máscara é fundamental”, destaca Selbach.


Mantenha a prevenção

Mesmo que você já tenha tido a Covid-19, já foram registrados casos de reinfecção da doença. Além disso, também foram identificadas novas variantes do vírus. Portanto, os cuidados de prevenção devem continuar, assim você se protege e também os demais.

Pinhais receberá nova remessa de vacinas para idosos acima de 80 anos

A imunização será feita escalonadamente, iniciando pelos de maior idade até chegar aos de 80 anos


Nos próximos dias a Secretaria Municipal de Saúde receberá nova remessa de vacinas contra a Covid-19 para a imunização de idosos. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), as doses da Coronavac, produzidas no Instituto Butantan, serão destinadas exclusivamente ao público com mais de 80 anos, subgrupo prioritário na vacinação de idosos.

De acordo com a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, a estimativa é de que haja mais de 1 mil pessoas nesta faixa etária para serem imunizadas em Pinhais. “É essencial que os idosos sejam vacinados, pois eles estão no grupo com maior índice de mortalidade. Entretanto, como já divulgado amplamente, estamos recebendo as vacinas de maneira gradativa, logo, possivelmente nem todos os idosos com mais de 80 anos serão imunizados neste momento”, afirma a secretária.

Para priorizar os mais velhos, a imunização será feita escalonadamente, iniciando pelos de maior idade até chegar aos 80 anos. Os profissionais de saúde irão até a residência daqueles que estão no cadastro disponibilizado no site da Prefeitura e que, portanto, serão comunicados previamente.

Ajude na fiscalização. Ligue 153 ou 98700-1592

A equipe de fiscalização do cumprimento das medidas de segurança da Covid-19 estão atuando constantemente. Denuncie o desrespeito às regras de distanciamento social.

Prefeitura de Pinhais aplica últimas doses de vacinas e aguarda novo lote do Governo Federal

A Secretaria Municipal de Saúde está prestes a aplicar as últimas vacinas recebidas nestes primeiros lotes enviados pelo Ministério da Saúde. Com o total de 1.992 doses foi possível imunizar trabalhadores da saúde e de Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI), assim como os moradores destes locais. A partir de agora, a Prefeitura de Pinhais fica na dependência do envio de novos lotes pelo Governo Federal.

A vacinação teve início no dia 20 de janeiro em Pinhais, com as 1.222 doses recebidas do Ministério da Saúde do imunizante CoronaVac/Instituto Butantan. Desse primeiro lote, quase a totalidade foi aplicada em profissionais de saúde que atuam na linha de frente, trabalhadores e moradores ILPI.

No dia 24 de janeiro, o município recebeu mais 770 doses desenvolvidas pela Oxford/AstraZeneca/Fiocruz, totalizando as 1.992 doses da vacina contra a Covid-19 destinadas para a cidade. Até a tarde desta terça-feira (2), 1.787 pessoas já tinham sido imunizadas, com um total de 89,7% de vacinas utilizadas.

A secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, ressaltou que neste momento resta aguardar o envio de novas doses. “A Prefeitura, assim como todas as demais do país, depende do Ministério da Saúde para prosseguir com a vacinação”, explica.

SAMU de Pinhais auxilia na transferência de pacientes vindos de Manaus

A Prefeitura disponibilizou uma ambulância com motorista e socorrista para encaminhar dois pacientes para o Hospital do Rocio

O Paraná recebeu 36 pacientes vindos de Manaus (AM), em dois voos operados pela Força Aérea Brasileira (FAB), com 18 pacientes cada. O SAMU de Pinhais fez parte da missão que reuniu, além da FAB, a 5ª Região Militar; a Superintendência do MS no Paraná; e os SAMUs de São José dos Pinhais, Curitiba, Campo Largo, Araucária e Fazenda Rio Grande.

A Prefeitura de Pinhais, atendendo uma solicitação do Estado, disponibilizou uma ambulância com motorista e socorrista para a transferência de dois pacientes, em estado moderado, para tratamento no Hospital do Rocio, em Campo Largo.

Como já amplamente divulgado, Manaus vive um colapso diante da pandemia com um surto de casos e outros problemas decorrentes desta situação, como falta de leitos de UTI e oxigênio.

A vacina chegou, mas a pandemia não acabou

Os cuidados precisam continuar, afinal, a pandemia não acabou!

3 motivos para não aglomerar no final de semana

Apesar da vacinação contra a COVID-19 já ter iniciado, ainda precisamos tomar todos os cuidados estabelecidos pelas autoridades sanitárias.


Em breve todos estaremos imunizados e tudo voltará ao normal.

Mantenha os cuidados contra o Coronavírus

Há 10 meses vivemos um período pelo qual jamais imaginamos passar. Tivemos que nos adaptar e reaprender a viver. E não é hora de deixar os cuidados de lado. A pandemia não acabou, devemos continuar cuidando de nós mesmos e dos outros. Portanto, não esqueça que pequenos hábitos fazem toda a diferença.

O distanciamento social, o uso de máscaras e a higienização frequente das mãos e objetos, são essenciais. São atitudes que fazem parte da nova rotina e não devemos relaxar. Então, lembre-se de:

-Lavar com frequência as mãos até a altura dos punhos com água e sabão. Caso não seja possível, higienize com álcool em gel 70%.

-Evitar tocar olhos, nariz e boca com as mãos não higienizadas;

-Ao tossir ou espirrar, cubra o nariz e a boca com lenço descartável ou com o braço, nunca com as mãos;

-Manter uma distância mínima de 1,5 metro de qualquer pessoa e evite abraços, beijos e apertos de mãos;

-Higienizar com frequência o celular e objetos de uso constante e não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, toalhas, pratos e copos;

-Conservar os ambientes limpos e bem ventilados;

-Caso precise sair de casa, sempre utilize máscaras;

-Evitar circulação desnecessária em locais públicos. O isolamento social continua sendo a melhor forma de se proteger.

A responsabilidade deve ser de todos. Cuidar das pessoas com as quais convivemos é um ato de generosidade e empatia. Faça sua parte!

Serviço

Em caso de dúvidas sobre o Coronavírus acesse o site coronavirus.pinhais.pr.gov.br ou entre em contato via WhatsApp com as Unidades de Saúde da Família de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h:

USF Esplanada - telefone: 3912-5346.

USF Vargem Grande - telefone: 3912-5379.

USF Perneta - telefone: 3912-5357.

USF Perdizes - telefone: 3912-5349.

USF Tebas - telefone: 3912-5370.

USF Jardim Karla - telefone: 3901-5777.

USF Tarumã - telefone: 3912-5361.

USF Vila Amélia - telefone: 3912-5365.

USF Weissópolis - telefone: 3912-5372.

USF Ana Neri- telefone: 3912-5397.

USF Maria Antonieta - telefone: 3912-5354.

Profissional de saúde. Cadastre-se para receber a vacina

Se você é profissional de saúde ou tem mais de 60 anos, faça seu pré-cadastro para receber a vacina. Vale lembrar que este não é um agendamento, mas vai agilizar a organização da imunização, evitando a formação de aglomerações. A Secretaria de Saúde entrará em contato pelo telefone cadastrado para agendar a vacinação.

Secretaria de Saúde começa a agendar vacinação para profissionais da saúde

A partir desta quinta-feira (28), a Secretaria de Saúde de Pinhais dá um segundo passo no processo de vacinação no município, com o início do agendamento dos profissionais de saúde que atuam em clínicas e farmácias, além dos demais incluídos no subgrupo 9, da fase 1, conforme o Plano Estadual atualizado.

A farmacêutica, Andressa Popovitz Valentim, está entre as profissionais que receberam uma das ligações mais esperadas dos últimos tempos. “Fico muito feliz porque temos muito contato com pacientes positivos ou suspeitos. No momento em que recebi a ligação e tive a confirmação da data e local fiquei emocionada”, compartilha.

Importante ressaltar que a Secretaria de Saúde entrará em contato pelo telefone indicado no pré-cadastro, portanto, àqueles que ainda não realizaram podem preencher o formulário disponível no Portal da Prefeitura: www.pinhais.pr.gov.br/vacina. No momento da ligação será informado o local para a imunização, entre outras informações pertinentes.

Até a última quarta-feira (27), a Secretaria de Saúde registrou a aplicação de 1.174 de doses da CoronaVac, entre profissionais de saúde e idosos em instituições de longa permanência.

Acompanhe a divulgação de informações sobre a vacina contra a Covid-19 no Portal da Prefeitura e nas redes sociais oficiais.

Pinhais já aplicou 60% das doses de vacina contra a Covid-19 que recebeu do Ministério da Saúde

Números são superiores à média estadual que é de 45%

Na quarta-feira (20), a Secretaria de Saúde de Pinhais começou a vacinação contra a Covid-19 com as 1.222 doses recebidas do Ministério da Saúde do imunizante CoronaVac/Instituto Butantan. Desse primeiro lote, 96% já foram aplicados em profissionais de saúde e pessoas em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI).

No último domingo (24), Pinhais recebeu mais 770 doses desenvolvidas pela Oxford/AstraZeneca/Fiocruz. No total, 1.992 doses da vacina contra a Covid-19 foram destinadas para a cidade. Até quarta-feira (27), 1.174 pessoas já tinham sido imunizadas, com um total de 58,9% de vacinas utilizadas.

De acordo com o balanço divulgado no início da tarde desta quarta-feira (27) pela Secretaria Estadual de Saúde, no Paraná a média é de 45,5% das vacinas utilizadas, Pinhais está bem à frente dessa média estadual. “Isso é reflexo das nossas equipes que estão empenhadas em imunizar o mais rápido possível a nossa população”, destaca a prefeita Marli Paulino.

Ainda, de acordo com a gestora municipal, Pinhais está cumprindo as determinações do Plano Estadual de Vacinação, o qual prioriza grupos de vacinação. “Caso dependesse somente de nós, com certeza já teríamos adquirido novas doses. Mas, assim como em todas as cidades e estados brasileiros, a distribuição é realizada pelo Ministério da Saúde”.

Marli comemora a chegada das vacinas em Pinhais, mas lembra que a pandemia ainda persiste. “Teremos que ter paciência e permanecer com os cuidados de prevenção. A esperança se renovou com a chegada da vacina, mas, infelizmente, ainda levará muito tempo para chegar ao maior número de pessoas”.

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) explica que iniciará nesta quinta-feira (28) a utilização da vacina Oxford, o agendamento dos profissionais de clínicas e farmácias, bem como os demais profissionais incluídos no grupo 9 da fase 1 do Plano Estadual de Saúde. A expectativa é nos próximos dias receber a terceira remessa de vacina e poder aumentar o número de vacinados em Pinhais.

Novas doses da vacina contra a Covid-19 chegam a Pinhais

Neste domingo, dia 24 a Prefeitura de Pinhais recebeu 770 novas doses de vacina contra o Coronavírus.


O novo lote foi importado da Índia e chegou ao Brasil no final de semana. Os imunizantes são desenvolvidos pela Universidade de Oxford e AstraZeneca e importadas pela Fundação Oswaldo Cruz – FioCruz, que deve começar a fabricação no Brasil.

As novas doses somam-se as 1222 já recebidas pelo município na semana passada e será dada sequência na vacinação do primeiro grupo, serão imunizados os demais profissionais de saúde e idosos com 75 anos ou mais.

De acordo com a Secretaria de Saúde de Pinhais, a orientação estadual sobre a priorização da vacinação no grupo de Trabalhadores de Saúde que atuam em Serviços de Saúde é por local de atividade, seguindo esta ordenação:

1- Todos os vacinadores/ aplicadores da vacina contra a Covid-19;

2- Trabalhadores de Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI);

3- Hospitais e Serviços de Urgência e Emergência de referência Covid-19 públicos e privados (SAMU, SIATE, UPA’s, Clínicas de Diálise e Serviços de Oncologia);

4- Trabalhadores dos Centros de Atendimento à Covid-19;

5- Trabalhadores da Atenção Primária à Saúde e de Centro de Atenção Psicossocial (CAPS);

6- Trabalhadores de laboratórios públicos e privados que coletam e realizam testes laboratoriais para a Covid-19;

7- Demais serviços de Urgência e Emergência;

8- Demais trabalhadores da Vigilância em Saúde;

9- Demais serviços públicos hospitalares e ambulatoriais;

10- Demais serviços privados hospitalares e ambulatoriais (farmácias e clínicas).

Pré -cadastramento

Quem faz parte do grupo prioritário, de profissionais de saúde, idosos de 75 anos ou mais e 60 a 74 anos, deve acessar o site www.pinhais.pr.gov.br/vacina

e fazer o cadastro. Importante ressaltar que o pré-cadastro não é um agendamento, mas agilizará a organização da imunização, evitando aglomerações.

Os Agentes Comunitários de Saúde realizarão visita domiciliar para os idosos acima de 75 anos para atualização do cadastro. A aplicação da vacina será realizada por agendamento exclusivamente via contato telefônico e neste momento não estará disponível nas Unidades de Saúde da Família. Em caso de dúvidas sobre o cadastramento, entre em contato com a Secretaria de Saúde de Pinhais, WhatsApp: (41) 3912-5313.

Também darão suporte às dúvidas, as equipes dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) do município:

CRAS Norte (41) 3912-5627 WhatsApp: (41) 98781-0570.

CRAS Sul (41) 3912-5613 WhatsApp: (41) 98792-5001.

CRAS Leste (41) 3912-5223 WhatsApp: (41) 98709-9474.

CRAS Oeste (41) 3912-5628 WhatsApp: (41) 98786-8760.

Pinhais inicia campanha vacinação contra a Covid-19

A primeira fase imunizará profissionais de saúde e idosos em Instituições de Longa Permanência


Esperança. Esta é a palavra que define esta quarta-feira, 20 de janeiro, dia em que começou a vacinação contra a Covid-19 em Pinhais. A primeira pessoa imunizada no município foi a técnica de enfermagem Glair Portela Sadoski, 58, que atua na Unidade de Saúde Tarumã. Ela que trabalha há 27 anos no município se disse esperançosa. “Todo esse tempo atuando na tenda Covid, a gente fica muito angustiada, pensando na chegada da vacina e agora isso já é uma realidade”, contou emocionada.

O Governo do Estado entregou 1.222 doses da vacina, fornecidas pelo Ministério da Saúde para começar a vacinação do município. De acordo com a secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, esse é um momento muito esperado. “Este dia finalmente chegou. Depois de tantas situações complicadas pelas quais todos nós passamos diante da pandemia, agora podemos ter esperança em superar este momento crítico no mundo”, ressalta.

O ato simbólico foi realizado no auditório do Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann no qual foram vacinados ao todo seis profissionais. Além da técnica de enfermagem Glair, foram imunizados, pelas mãos da servidora Susanmeire Ito dos Santos, a médica da família da USF Jardim Amélia, Renate Von Linsingen; o farmacêutico da USF Jardim Karla, Israel de Campos; a enfermeira do SAMU, Gabriela Felix Pedreira; o médico da UPA, Anthony Augusto Carmona; Valter Luiz Abelardino da Silva, do Centro de Atenção Psicossocial.

A prefeita Marli Paulino, esteve presente e enalteceu a importância deste momento histórico no município. “Estamos todos muito emocionados. Não há palavras para descrever o que este dia representa. Este é um grande passo para vencermos esta pandemia”, afirma. Também acompanhou o ato, visivelmente emocionada, a vice-prefeita, Rosa Maria de Jesus Colombo.

A partir de agora a vacinação ocorre seguindo o Protocolo Estadual de Operacionalização da Covid-19. Nesta primeira fase, os grupos prioritários são profissionais de saúde e idosos em Instituições de Longa Permanência, que serão imunizados em seus postos de trabalho ou no caso dos idosos nos locais em que estão institucionalizados.

Na sequência, ainda no grupo 1, com o recebimento das próximas doses, serão imunizados os profissionais de saúde e idosos com 75 anos ou mais.

Pré-cadastro para vacinação da Covid-19 está disponível em Pinhais

Podem se cadastrar pessoas que fazem parte da primeira e segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação


A Prefeitura de Pinhais lançou nesta segunda-feira (18), o formulário do pré-cadastro para a campanha de vacinação contra a Covid-19 no município. Poderão se cadastrar neste primeiro momento, grupos prioritários para a primeira e segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação.

O pré-cadastro não é um agendamento, mas vai agilizar a organização da imunização, evitando a formação de aglomerações. A aplicação da vacina será realizada por agendamento exclusivamente via contato telefônico e neste momento não estará disponível nas unidades de saúde.

Conforme o Plano Nacional de Imunização, a vacinação, nesta primeira fase, será destinada aos profissionais de saúde e idosos em instituições de longa permanência.

Se você faz parte do grupo prioritário, de profissionais de saúde, idosos de 75 anos ou mais e 60 a 74 anos, acesse www.pinhais.pr.gov.br/vacina e faça seu cadastro. É importante lembrar que será necessário no momento da aplicação da vacina, levar o documento que comprove que a pessoa pertence ao grupo onde se cadastrou.

Pinhais faz parte de momento histórico do processo de vacinação da covid-19

Governo do Estado recebe insumos para a imunização, e a secretária de Saúde de Pinhais, Adriane da Silva Jorge Carvalho, representa os demais município da região


A manhã desta segunda-feira (18) ficou marcada na história do Estado do Paraná e do município de Pinhais com a entrega dos insumos que serão utilizados na imunização da Covid-19. Os materiais serão distribuídos para os municípios da Região Metropolitana para o início da vacinação. A secretária de Saúde de Pinhais representou os municípios da região, por ser também a presidente do Conselho Regional de Secretários Municipais de Saúde da Região Metropolitana.

Na Central de Apoio Metropolitano, Adriane falou sobre o que representa esse momento. “É uma grande satisfação receber os insumos e materiais de proteção individual para que possamos iniciar a vacinação contra a Covid-19. É um momento histórico, importante para nossos profissionais da saúde e para toda a população”, declarou a secretária.

Segundo Adriane, inicialmente a imunização será nos locais em que atuam os profissionais da linha de frente e nas instituições de longa permanência. “Vamos manter a comunicação de cada etapa para que todos tenham conhecimento deste processo”, reiterou.

“Estamos muito felizes por estar recebendo os primeiros lotes de insumos que serão utilizados em todo o procedimento de vacinação. Nos próximos dias receberemos as vacinas contra o Coronavírus, e este é um momento histórico em que nós viramos uma página. Este é um símbolo da esperança, da conquista e da capacidade humana de produção deste imunobiológico tão necessário”, destacou o diretor da 2ª Regional de Saúde Metropolitana, José Dalmi Dissenha.

Escolas de Pinhais estão prontas para o retorno às aulas

O retorno presencial não será obrigatório e todos os protocolos sanitários estão sendo adotados para garantir a segurança de alunos e profissionais


Após inúmeras avaliações, a Secretaria de Educação de Pinhais prepara as unidades de ensino da rede municipal para o retorno das aulas, no dia 18 de fevereiro. Como ainda vivemos em uma pandemia, uma série de protocolos estão sendo colocados em prática para preservar a saúde de alunos e profissionais da área.

“Para os pais e familiares que estão, compreensivelmente, preocupados com toda essa situação, salientamos, antes de tudo, que esse retorno presencial não será obrigatório”, afirma a secretária de Educação, Andrea Franceschini. Entretanto, a responsável pela pasta ressalta que todos os cuidados necessários estão sendo adotados. “Estamos seguindo com os protocolos sanitários para garantir um retorno mais seguro possível”, destaca.

Esta preparação, respaldada pelos órgãos de saúde, Ministério Público e decretos do Governo do Estado, já iniciou há dias. “Já estamos discutindo todos os pontos cruciais e preparando o plano de retorno. Nos próximos dias as diretoras retornarão e teremos capacitações, inclusive com a presença das equipes da Saúde, como Vigilância Sanitária”, ressalta Andrea.

Como serão as aulas

Para atender todas as turmas, de acordo com as medidas de saúde, os alunos serão divididos em grupos e as aulas ocorrerão no modelo híbrido, ou seja, cada um deles estará presencialmente durante uma semana e na seguinte continuará estudando em casa conforme os blocos de atividades.

“Temos profissionais e alunos no grupo de risco, portanto, estes permanecerão somente em atividades remotas. E lembro novamente, o retorno presencial para os demais é opcional”, explica a secretária.

Preparação

As unidades de ensino passam por uma série de adequações como redução e distanciamento entre mesas e cadeiras nas salas de aula; avisos em diversos pontos reforçando as medidas, como uso de máscara e higienização frequente das mãos; interdição de alguns espaços; local para quarentena dos materiais; disponibilização de luvas e máscaras descartáveis.

Retorno para todos?

A resposta inicial é que, embasado nas determinações do Governo do Estado, não há confirmação de retorno para os menores de 5 anos, que são alunos dos Cmeis. “Entretanto, estamos nos preparando para receber todos os nossos alunos, sejam das escolas ou dos centros municipais de educação infantil”, afirma Andrea.

Pinhais prevê começar vacinação contra a Covid no próximo dia 25 de janeiro

Prazo depende da aprovação e distribuição da vacina pelo Governo Federal


Na tarde desta quarta-feira (13), na Secretaria Municipal de Saúde, técnicos desta Secretaria, juntamente com profissionais de outras áreas, estiveram reunidos para debaterem e agilizarem como será a vacinação contra a Covid em Pinhais. A Prefeitura atenderá às recomendações do Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19, o qual determina iniciar a imunização por grupos prioritários. Nesta primeira fase, prevista para começar no próximo dia 25 de janeiro, está prevista a vacinação de trabalhadores de saúde e pessoas com 75 anos ou mais. A imunização ocorrerá conforme a demanda de chegada da vacina distribuída pelo Governo Federal.

Ainda de acordo com o Plano Nacional, em uma segunda fase serão vacinadas as pessoas entre 60 e 74 anos, e em um terceiro momento as pessoas com alguma comorbidade, trabalhadores da educação, de serviços essenciais, entre outras. Na oportunidade foram debatidos a forma de cadastramento das pessoas que receberão a vacina. A secretária de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, destaca que todos serão vacinados, atendendo as fases estipuladas pelo Ministério da Saúde. “As pessoas serão pré-cadastradas para serem imunizadas e não deverão procurar a Unidade de Saúde. Oportunamente será divulgada a forma de como acontecerá este cadastro e a própria vacinação”.

A prefeita de Pinhais, Marli Paulino, destaca que, mesmo com a chegada da vacina, os cuidados para evitar o contágio devem prosseguir. “O uso de máscara, a utilização constante de álcool gel e o distanciamento social deverão ser mantidos até que a grande maioria das pessoas sejam imunizadas. Sabemos que a vacinação é uma urgência e todos estamos ansiosos por este momento. Porém, para a organização e para que a imunização seja justa e chegue para todos com maior rapidez, será necessário o cumprimento dos protocolos estipulados pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria Estadual de Saúde e muita paciência. Mas com respeito, educação e tolerância iremos superar esta pandemia”.


Jovens e adultos fazem parte dos grupos com mais contaminados pela Covid-19

A maior porcentagem está concentrada na faixa etária dos 20 aos 49 anos


Segundo os relatórios da Secretaria Municipal de Saúde de Pinhais sobre pessoas contaminadas pela Covid-19, a maior porcentagem está concentrada nos grupos que vão dos 20 aos 49 anos. Com isso, quem está nesta faixa etária também acaba se tornando disseminador da doença, quando não segue as recomendações sanitárias.

Ao analisar os principais fatores para tal cenário, os especialistas listam alguns pontos, como estarem na parcela economicamente ativa e, portanto, se deslocarem para o trabalho. Entretanto, há outro aspecto apontado e que é mais recorrente entre os jovens. “De maneira geral eles não estão enquadrados no grupo de risco, salvo em casos de doenças agravantes. Alguns jovens acabam tendo atitudes não recomendadas, como frequentar festas, não usam máscaras, o que vai contra as principais recomendações”, ressalta a secretária de Saúde de Pinhais, Adriane da Silva Jorge Carvalho.

Entre as preocupações dos profissionais da saúde está esse relaxamento nos cuidados, o que expõe outras pessoas ao risco de contaminação. “É importante ressaltar que todos podem ser infectados, independentemente da idade. E, apesar de não estarem no grupo de risco, podem disseminar a contaminação, especialmente para as pessoas mais próximas”, afirma Adriane.

De acordo com a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Vanessa Loyola Fontoura, a taxa de mortalidade é mais alta na faixa de 60 a 79 anos, sendo assim há a responsabilidade dos demais em não expor este grupo à doença. “Todos devemos cumprir com os cuidados para prevenção da Covid-19. No entanto, quando falamos de maior incidência em determinadas categorias, destacamos a importância de ficarem mais atentos”, destaca a diretora.

Cuidados para prevenir a contaminação

Entre as principais medidas para prevenir a disseminação da Covid-19 estão:

Higienizar as mãos, frequentemente, com água e sabão ou álcool 70%;

Usar máscara sempre que sair de casa;

Não causar aglomerações;

Sair de casa somente quando necessário;

Respeitar a distância de 1,5m entre as pessoas.